Search
Thursday 1 October 2020
  • :
  • :

Duplas masculinas do Brasil começam bem no Grand Slam de Xangai

Foto: Divulgação FIVB

Sem subir ao pódio no Open de Fuzhou (CHN), na abertura do Circuito Mundial de Vôlei de Praia 2013, o Brasil iniciou sua caminhada no Grand Slam de Xangai mostrando que quer mudar essa história. Na madrugada destaquarta-feira (01/05), horário de Brasília, as duplas masculinas venceram cinco de seis jogos. Duas delas, inclusive, lideram seus grupos e estão a uma vitória de se classificarem diretamente para as oitavas de final.

Ricardo e Álvaro Filho, que terminaram em quarto lugar em Fuzhou, começaram muito bem em Xangai. Em seu primeiro jogo no Beach Volleyball Centre Court, derrotaram a dupla espanhol formada por García e Gavira por 2 sets a 0, parciais de 21-17 e 21-18. E repetiram o bom desempenho na partida seguinte, contra os irmãos gêmeos Ingrosso M. E Ingrosso P., da Itália: 2 a 0 (21-18 e 21-14). Para confirmarem a primeira colocação do Grupo E, avançando automaticamente para as oitavas sem a necessidade de jogarem uma rodada eliminatória, terão que vencer Erdmann/Matysik (ALE).

A outra dupla brasileira que fez bonito em Xangai na abertura da fase de grupos foi Bruno Schmidt/Pedro Solberg. Pela chave C, os atuais campeões do Circuito Banco do Brasil superaram os alemães Bockermann e Urbatzka com uma vitória por 2 a 1, parciais de 23-21, 16-21 e 15-11. No jogo seguinte, derrotaram os holandeses Spijkers e Van de Velde com mais facilidade: 2 a 0 (21-14 e 21-15). Da mesma forma que Ricardo e Álvaro Filho, lideram o grupo e têm que vencer Lucena/Keenan (EUA) para se classificarem para as oitavas sem cumprir mais um jogo.

Por fim, pelo Grupo H, Vitor Felipe e Evandro tropeçaram na estreia, mas se recuperaram no segundo jogo e estão vivos na luta pela classificação à próxima fase. Os algozes foram Patterson e Gibb (este formava com Rosenthal uma das grandes parcerias do vôlei de praia até o ano passado, inclusive eleita pela FIVB a dupla do ano em 2012), que venceram por 2 a 1 (19-21, 21-15 e 15-13). Já a vitória, de virada, foi em cima de uma das duplas da casa, Xu/P.Gao: 2 a 1 (24-26, 21-13 e 15-11). Na madrugada desta quinta-feira (de Brasília), encaram os austríacos Huber e Seidl na luta por uma vaga.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x