Search
Saturday 19 September 2020
  • :
  • :

Em Moscou, Emanuel joga com Evandro e Alison, com Vitor Felipe

Foto: Erich Onida/CBV

Novidades na seleção brasileira marcarão o Grand Slam de Moscou (RUS) do Circuito Mundial, que começa nesta quarta-feira (21/08) com Ágatha/Maria Elisa lutando por uma vaga pelo qualifying. Como Alison/Emanuel e Evandro/Vitor Felipe não têm mais chances de título, a técnica Letícia Pessoa resolveu abrir as duplas e reunir os experientes com os mais jovens, formando dois novos times para representar o país.

Assim, Emanuel jogará com Evandro, enquanto Alison terá Vitor Felipe a seu lado no torneio principal que entra em cena na quinta-feira (22/08). Mesma formação já confirmada para o Grand Slam seguinte, em Pequim (CHN), de 2 a 6 de outubro. No último do ano, em São Paulo, porém, as duplas serão refeitas, as mesmas que já estarão na disputa da temporada 2013/2014 do Circuito Banco do Brasil Vôlei de Praia, que se inicia em Recife (PE) no dia 30 de agosto.

“É tudo uma novidade. E uma motivação enorme tanto para mim quanto para o Evandro, que é um jogador de muita qualidade. É uma forma de mostrar que a seleção brasileira quer os melhores jogando juntos. A filosofia é o que interessa, esse é o novo sistema. Os quatro melhores atletas do Brasil é que representarão o país nos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016”, disse Emanuel.

Como o próprio Evandro comentou, sua dupla com Vitor Felipe “estava sempre beliscando e batendo na trave”. Chegou às quartas de final nas etapas Grand Slam de Xangai (CHN) e Corrientes (ARG) e, também, no Campeonato Mundial, em Stare Jablonki, na Polônia. Até que, há dez dias, veio o tão aguardado título nas areias de Berlim (ALE), a primeira conquista de ambos em um Circuito Mundial.

“Agora, ao lado do multicampeão, tenho que manter a postura”, brincou o sempre extrovertido Evandro. “Será a experiência do Emanuel junto com a minha vontade. É um atleta que dispensa comentários. A ficha só caiu mesmo quando começamos a treinar juntos, na semana passada, e olhei para o lado e não vi o Vitor. Darei o máximo de mim e lutarei para conquistar um título com ele”, emendou.

Em etapas do Circuito Mundial realizadas na Rússia, ninguém ganhou mais títulos entre os homens do que Emanuel. Foi campeão pela primeira vez em 2005, em Saint Petersburg, jogando com Ricardo. E só voltou ao lugar mais alto do pódio seis anos depois, já ao lado de Alison, sendo campeão em 2011 e 2012, em Moscou. No feminino, a maior vencedora é a dupla Juliana/Larissa, com quatro conquistas.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x