Search
Wednesday 30 September 2020
  • :
  • :

EMS Taubaté Funvic confirma elenco para a temporada 2020/2021

Bruninho é a principal novidade. (Foto: Divulgação)

O EMS Taubaté Funvic está preparando a sua retomada dos trabalhos visando a temporada 2020/2021 do voleibol, e definiu seu elenco. A equipe que terminou a temporada 2019/2020 com os títulos do Campeonato Paulista e da Supercopa, além de ter sido o melhor time da última Superliga, terá um grupo renovado.

Ao todo serão oito atletas que chegam para vestir a camisa taubateana. À beira da quadra, o time terá um novo comandante: Javier Weber, de 54 anos. O treinador argentino trabalhou na última temporada no Bolivar Voley, da Argentina, e volta ao voleibol brasileiro para assumir o clube.

Quando ainda atuava como atleta, Javier Weber era levantador e obteve conquistas importantes. Como jogador, foi bicampeão da Superliga atuando pela extinta equipe da Ulbra-RS, nas temporadas 1997/1998 e 1998/1999. Ele também levantou a taça da principal competição nacional como técnico. Comandando a Unisul, de Santa Catarina, foi campeão na temporada 2003/2004.

Por seu país, Weber ganhou como atleta a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Seul 1988 e o ouro nos Jogos Pan-Americanos de Mar Del Plata 1995. Disputou também as Olimpíadas de Sydney 2000.

Já como técnico, Weber dirigiu a Argentina entre 2008 e 2013 e seus dois melhores resultados foram o quinto lugar nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e a medalha de bronze no Pan-Americano de Guadalajara 2011.

Elenco renovado
Dentro de quadra, Javier Weber terá sob seu comando um time que terá oito novidades, além de sete jogadores que continuam no clube.

Remanescentes: A lista dos que renovaram seus contratos ou ainda tinham contrato em vigência conta com Douglas Souza (ponteiro), Lucão (central), Riad (central), Maurício Souza (central), Rapha (levantador), Fabiano (levantador) e Thales (líbero).

Novidades:
– Bruno Rezende (levantador / 33 anos / 1,90m):
 Atleta chega ao EMS Taubaté Funvic após jogar as últimas três temporadas no voleibol italiano. Levantador e capitão da Seleção Brasileira, dentre os muitos títulos conquistados com o time nacional, destaca-se o Ouro Olímpico na Rio 2016. Atuando no Brasil, foram seis conquistas da Superliga masculina. Em solo italiano, conquistou sete títulos no total, entre títulos nacionais, um europeu e um mundial de clubes.

– Maurício Borges (ponteiro / 31 anos / 2,00m): Fez parte do elenco Campeão Olímpico na Rio 2016, e na última temporada defendeu o SESC-RJ. Chega com um currículo de respeito, incluindo duas conquistas da Superliga. Com a camisa da Seleção Brasileira foram diversos títulos nas categorias de base, e no time adulto destaque para a medalha de Ouro nos Jogos Olímpicos Rio 2016, a Copa do Mundo 2019, o Ouro nos Jogos Pan Americanos de Guadalajara 2011, a Liga Mundial de 2010 e a Copa dos Campeões de 2013.

– Felipe Roque (oposto / 23 anos / 2,12m): Um dos destaques na última Superliga atuando pelo Fiat/Minas, o jovem oposto tem sido presença constante nas convocações de Renan Dal Zotto para a Seleção Brasileira. Ele esteve nas conquistas da Copa do Mundo, do Campeonato Sul-Americano e da medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos de Lima, todas em 2019.

– João Rafael (ponteiro / 27 anos / 1,93m): Defendeu o Tours Volley Ball, da França, na última temporada. Também teve passagens pelo voleibol da Itália, onde defendeu o Pallavolo Molfetta e o Argos Voley/Sora. No Brasil, o atleta ganhou destaque nacional quando defendeu o Minas Tênis Clube. O ponteiro também jogou pelo SESC-RJ. Dentre suas passagens pela Seleção Brasileira, destaque para a conquista da medalha de Prata nos Jogos Pan Americanos de Toronto 2015, no Canadá.

– Gabriel Cândido (oposto / 23anos / 1,98m): Destaque do Vôlei UM Itapetininga (SP) na última Superliga, o jovem oposto chega como um dos reforços para a posição no EMS Taubaté Funvic. O atleta já havia defendido também o Corinthians/Guarulhos, Lavras, São Bernardo e o São Caetano.

– Bruno Biella (central / 21 anos / 2,04m): Destaque no jovem time do Vôlei Ribeirão na última temporada, Biella chega ao EMS Taubaté Funvic para compor o forte grupo de centrais. Seus clubes anteriores ao Ribeirão foram Santo André (SP), Vôlei Mogi (SP), Associação de Voleibol Mauá (SP) e Centro Olímpico (SP).

– Vitor Yudi (ponteiro e líbero / 21 anos / 1,87m): Defendeu o Uberlândia (MG) na última temporada, tendo se destacado na disputa da Superliga B. Tem passagens pela Seleção Brasileira nas categorias de base. Um dos mais novos do elenco, ele poderá atuar como líbero ou como ponteiro.

– João Franck (ponteiro / 21 anos / 2,03m): Mais um destaque da nova geração do voleibol brasileiro, João chega para integrar o elenco depois de ter defendido o Vôlei UM Itapetininga na última edição da Superliga. Ele também teve passagem pelo Fiat/Minas (MG).




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x