Search
Thursday 3 December 2020
  • :
  • :

Equipe de Rio do Sul realiza sorteio para levantar novos investimentos

A participação de Rio do Sul na Superliga Feminina de Voleibol não depende apenas do resultado da equipe na quadra, mas principalmente de apoio financeiro. Uma das maiores dificuldades de se manter em uma competição em nível nacional é justamente buscar recursos para ter um time competitivo e com estrutura que atenda as necessidades de atletas e comissão técnica.

 

Como forma de levantar recursos para participar pela segunda vez da Superliga Feminina, a equipe realizará um jantar por adesão e que dará direito ao sorteio de prêmios como um automóvel 0 km. Trata-se de um Chevrolet Spin de 7 lugares, lançamento da GM e que serve como uma das cotas de patrocínio da montadora para o time. Os outros prêmios são uma moto Biz 100c, e televisores de 42, 32 e 22 polegadas.

 

O valor do cartão para participar do sorteio e do jantar de apresentação da equipe em outubro é de R$ 500. Segundo o superintendente da Fundação Municipal de Desportos, Nilo Borgonovo, o objetivo é que pelo menos 450 cartões sejam vendidos para levantar recursos para auxiliar nos custos da participação do time e a contratação de pelo menos mais duas jogadoras para a competição.

 

Muitas empresas de Rio do Sul e do Alto Vale tem sido parceiras do vôlei de Rio do Sul há anos mas com a Superliga Feminina os custos estão sendo ainda maiores com viagens terrestres, hospedagens e despesas gerais do time. As passagens aéreas são custeadas por uma empresa parceira da Confederação Brasileira de Voleibol.

 

“Mesmo  com o apoio importante de muitas empresas, o planejamento de gastos para esta temporada está em cerca de R$ 600 mil e precisamos buscar mais apoio. E nosso orçamento é muito baixo em comparação com outras equipes que também participam da Superliga”, ressaltou Borgonovo.

 

Jogo contra Chapecó abre o returno do Catarinense

 

O primeiro jogo do returno do Campeonato Estadual de voleibol feminino será neste sábado (22) e a equipe Rio do Sul/Unimed/Delsoft viaja até Chapecó para enfrentar o time da casa às 14h no Ginásio Ivo Silveira. O técnico Rogério Portela ainda não pode dar certeza da confirmação da líbero Nine para o jogo, já que a jogadora não se recuperou totalmente de uma torção no joelho esquerdo há três semanas. Ju Odilon deve ser mantida de improviso na posição como ocorreu no último jogo contra Brusque.

 

O jogo contra Chapecó é importante para que o time mantenha o ritmo em busca do tricampeonato estadual. Até o momento, em três jogos, a equipe venceu todos por 3 sets a 0. “Como é um campeonato curto, toda atenção é fundamental”, destaca o treinador. Nesta semana, Portela intensificou treinos de recepção e bloqueio, dois dos principais pontos identificados e que precisam ser melhorados.

 



Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x