Search
Friday 18 September 2020
  • :
  • :

Feliz no Brasil, Marcelo Mendez pode fazer história no domingo

Foto: Alexandre Arruda/CBV

Neste domingo (14/04), o técnico argentino Marcelo Mendez pode entrar para a história se tornando o primeiro estrangeiro a vencer duas superligas como técnico. 

No comando do Sada Cruzeiro, Marcelo mostra, além de total confiança na sua equipe, felicidade pelo sucesso no Brasil. Ao final do treino desta quinta-feira (11/04), o treinador falou sobre seu currículo vitorioso em terras brasileiras.

“Faço uma avaliação muito boa desde que cheguei ao Brasil. Sou muito feliz trabalhando aqui, onde encontrei uma estrutura muito boa, posso trabalhar com tranquilidade e isso é muito importante. Aqui estou entre os melhores jogadores do mundo. Temos bons jogadores e em muita quantidade. Estou completamente adaptado e feliz”, disse Marcelo.

Sobre os treinadores brasileiros, o argentino foi só elogios. “O Brasil tem grandes técnicos e fico muito feliz por trabalhar ao lado deles. Disputamos uma das melhores competições do mundo e sinto realmente muita felicidade de poder participar de uma Superliga tão forte. Entre os grandes treinadores brasileiros, tenho muito respeito por Bernardinho, que considero um dos melhores do mundo”.

Sobre o Sada Cruzeiro, o treinador afirmou ser difícil explicar um único fator que defina o excelente trabalho em Minas. “Não é muito fácil explicar isso. O Brasil tem muitos jogadores. Tem um grupo que, merecidamente, está na seleção. E tem um outro grupo muito bom também. Esse outro tem um objetivo claro de onde quer chegar e, aliado a muito trabalho, forma um bom time”.

Em sua terceira final seguida (uma por Montes Claros e duas pelo Cruzeiro), Marcelo diz que trabalho é a chave de todo o sucesso. “Acho que o trabalho. Sempre gostei muito de trabalhar. No primeiro ano, tive bons jogadores e conseguimos um objetivo com o Montes Claros. Depois, no Cruzeiro, quando me deram a oportunidade de escolher os jogadores e formar a minha comissão técnica, o time continuou crescendo e conseguimos chegar a três finais. Jogar com brasileiro é muito fácil. Tecnicamente, eles são muito bons.”

Encerrando, o treinador diz que pretende seguir no Brasil no futuro. “Cheguei a um lugar desconhecido, onde havia poucos técnicos estrangeiros e foi uma experiência diferente. Mas trabalho sempre para obter sucesso e tinha uma boa expectativa quando vim para cá. O primeiro momento de adaptação a um novo país é muito difícil, mas tive sorte de trabalhar com boas pessoas, que foi o mais importante de tudo. A partir de agora, desejo continuar trabalhando no Brasil. Estou muito contente”.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x