Search
Monday 21 September 2020
  • :
  • :

“Foi jogo de coração”, diz Pacheco sobre a partida 1 das semifinais

Foto: Luis Ventura/Melhor do Vôlei

Foi um jogão. Quem foi na Vila Leopoldina se maravilhou com o show de talentos na vitória do Sesi por 3 a 1 sobre o Vôlei Brasil Kirin na abertura das semifinais.

Para Marcos Pacheco, treinador do Sesi, o jogo foi duro como esperado, mas o que falou mais alto, foi o emocional.

“O jogo foi duro como esperado, decidido em detalhes. Tecnicamente o jogo não foi maravilhoso. Foi mais um jogo de coração e transpiração. O Sesi sofreu por causa do saque agressivo. Hoje por causa de algumas situações pontuais, não sacamos forte como deveria e com isso o adversário tem uma dificuldade menor no ataque”, afirmou Pacheco.

Destaque com 16 pontos, Lucarelli também analisou o jogo.  “Eu acho fomos melhor porque diminuímos o erro. Começamos sacando bem e depois começamos a errar e ficou mais fácil para eles.”

No finzinho do jogo, o ponta sentiu uma lesão, mas afirmou não ser nada preocupante. “Eu fui buscar uma bola no chão e deu uma fisgadinha. Não foi nada sério, mas como eu estava no passe, tentei não forçar para não prejudicar o time”.

Para Pacheco, no segundo jogo, o Sesi precisa voltar a ser agressivo no saque. “Temos um longo tempo, dá para avaliar e melhorar as coisas. Temos que voltar a ser agressivo no saque e jogar com empenho e dedicação, diminuindo o número de erros. Talvez com isso a gente tenha menos dificuldades”.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x