Search
Tuesday 20 October 2020
  • :
  • :

França elimina os campeões mundiais e Liga terá vencedor inédito

Crédito: Divulgação/FIVB

Crédito: Divulgação/FIVB

 

A Seleção Francesa abriu vantagem, oscilou, sofreu pressão da torcida, viu a Polônia reagir, mas conseguiu sair do Maracanãzinho, na tarde deste sábado, com a vaga na final da Liga Mundial. Com parciais de 25-23, 25-23, 19-25, 22-25, 17-15, a França fez 3 sets a 2 e se garantiu na decisão, amanhã, contra a Sérvia. O campeão terá levantado o troféu da Liga pela primeira vez. A França já decidiu o torneio noutra ocasião, em 2006, quando perdeu para o Brasil de virada, por 3 a 2.

 

Os franceses vieram ao Rio de Janeiro como campeões do grupo II, venceram o Brasil na estreia, tiveram o resultado de que precisavam contra os EUA e passaram, nas semifinais, pelos campeões mundiais do ano passado. Se a França abriu 2 a 0 em sets meio mornos, com Rouzier e Kurek duelando no ataque – ao fim das duas primeiras parciais, cada time tinha 27 pontos de ataque e cada oposto, 14 no fundamento –, o terceiro set mudou de lado, mas não de ritmo. A Polônia descontou para 2 a 1 e trouxe consigo a torcida brasileira, ainda ressentida pela forma como EUA e França eliminaram o Brasil na sexta-feira.

 

No quarto set, depois de um início equilibrado, a França passou a errar bastante e deixou a Polônia em vantagem. Ngapeth não estava bem partida e Rouzier, bola de segurança, chegou a ser substituído por Sidibe, de tão mal que atacava àquela altura.

 

Já no tie break, a França voltou ao jogo, com Ngapeth e Rouzier comandando a equipe e com Le Roux parando o ataque adversário no início do set. A partida estava empatada em 10 a 10, quando Kurek foi bloqueado pelo central Lafitte. A partir daí, a França conseguiu abrir 14 a 12, mas perdeu os dois match points – inclusive, com um ataque de Ngapeth que parou no bloqueio. Mas, na quarta oportunidade para fechar a partida, o próprio Ngapeth, no simples, bloqueou Kurek e venceu o jogo.

 

O maior pontuador da partida foi o oposto polonês Kurek, com 28 pontos. Pela França, Rouzier fez 25.

 

No domingo, a decisão do terceiro lugar, entre Polônia e EUA, começa às 9h10. Em seguida, com horário previsto para 11h30, França e Sérvia fazem a final da Liga Mundial de Vôlei 2015.

 

Por: João Batista Jr. (do Rio de Janeiro)




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x