Search
Wednesday 2 December 2020
  • :
  • :

Irritadíssimo, Fronckowiak repudia ato de torcedor cruzeirense em Contagem

04/04/2012 – A brilhante vitória do Sada Cruzeiro sobre a Vivo/Minas na noite da última terça-feira foi ofuscada por um incidente extra-quadra, na mudança do segundo para o terceiro set. Confusão essa que envolveu um torcedor cruzeirense – que, inclusive, pelas informações após a partida seria parente de um jogador. Ele é acusado de cuspir em direção ao banco minastenista, atirar objetos, intimidar os atletas e, inclusive, ameaçá-los de morte. O técnico do Minas, Marcelo Fronckowiak, estava revoltado com a situação.

"Está na súmula (os atos do torcedor). Não é a primeira vez que isso acontece nesse ginásio. As pessoas têm que entender que é muito bom associar duas grandes marcas na produção do primeiro esporte brasileiro, porque o vôlei é o primeiro esporte brasileiro. Futebol é religião. A marca voleibol é muito diferente do que temos visto repetidamente nesse local", esbravejou o comandante do Minas aos jornalistas após o duelo.

De virada! Sada Cruzeiro sai na frente no duelo mineiro

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS DA PARTIDA

 

No intervalo entre o segundo e o terceiro set, com o jogo muito equilibrado e empatado em 1 set a 1, Fronckowiak quase não teve tempo de orientar seus atletas, pois a confusão foi tamanha que até a Polícia Militar foi acionada para acalmar os ânimos, tanto dos torcedores (que tomaram partido nas arquibancadas), quanto do comandante mineiro, enfurecido com as atitudades vindas de trás do banco minastenista.

"Queria deixar bem claro que essa idiotice não influenciou em nada o resultado do jogo. Jogamos contra um time que está junto há dois anos, foi o líder da fase classificatória e dominou a partida, simplesmente dominou todas as ações", enalteceu. "Não jogamos com o passe e sem ele ficou difícil para o Marcelinho organizar a equipe, pois o bloqueio deles é muito bom. Na segunda parcial tivemos apenas 24% de eficiência, quer dizer, de cada dez recepções, apenas duas conseguíamos jogar com o meio que claro, já estava marcado", analisou.

O torcedor do Sada Cruzeiro foi devidamente identificado, um Boletim de Ocorrência foi registrado e ele foi retirado do ginásio pela Polícia Militar.

Confusão na Arena

Na partida do returno entre Vivo/Minas e Sada Cruzeiro, vencida pelo time de Fronckowiak por 3 sets a 2, uma torcedora não identificada xingou o oposto celeste Wallace com insultos racistas. O comandante mineiro também lembrou este fato.

"Por idiotice de uma pessoa desavisada, que comete um erro absurdo, idiota, um ato de racismo contra um jogador e que nós somos completamente contra, fomos punidos da maneira que fomos. E as coisas aqui são repetitivas e isso precisa ser relatado. Precisa, porque senão, vamos para um caminho que não é o correto do vôlei. Isso precisa ser coibido".

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x