Search
Sunday 20 September 2020
  • :
  • :

Itália não dá chances ao Brasil

 12/11/11 – A Itália continua sendo a única equipe invicta na Copa do Mundo. Neste sábado (12.11), as italianas venceram as brasileiras por 3 sets a 0, parciais de 25-23, 25-16 e 25-22), em 1h15 de jogo, no Hakkaido Prefectural Sports Center, em Sapporo, no Japão. O time verde e amarelo acumula cinco vitórias e duas derrotas na competição.

Neste domingo (13.11), as brasileiras disputarão o confronto de número 103 contra as japonesas. Até o momento foram 67 vitórias das atuais campeãs olímpicas. O time verde e amarelo jogará com as japonesas, às 7h20 (horário de Brasília). Os canais Sportv e Esporte Interativo transmitirão ao vivo.

"); // -->

 

A ponteira da Itália, Carolina Costagrande foi a maior pontuadora do confronto, com 19 pontos. Entre as brasileiras, a oposto Sheilla teve 13 acertos e a central Thaisa, 11.

O treinador José Roberto Guimarães elogiou a atuação das italianas. “A Itália foi melhor do que nós em todo o jogo. Perdemos muitas oportunidades no primeiro e no terceiro set. Quando cometemos muitos erros contra uma equipe como a Itália é sempre difícil. Amanhã teremos mais um jogo complicado contra o Japão”, analisou Zé Roberto.

A ponteira Paula Pequeno comentou o equilíbrio entre as duas seleções. “Quando Brasil e Itália se enfrentam tudo pode acontecer. Elas jogaram muito bem na partida. Foram mais eficientes durante o jogo. Temos que manter o time junto. O resultado contra as italianas não apaga a nossa luta no torneio”, afirmou Paula.

Pelo lado das italianas, o treinador Massimo Barbolini disse que a Itália voltou a apresentar a um bom voleibol. “Vencemos um dos melhores times do mundo. Estamos voltando a ser aquela Itália que defende, contra-ataca e joga com garra e alegria. O nosso bloqueio também funcionou bem ao longo do jogo”, ressaltou Barbolini.

O Jogo

O Brasil começou bem a partida. Na primeira parda técnica as brasileiras venciam por três pontos (8/5). Fabíola forçava as jogadas pelo meio de rede e Thaisa se destacava no ataque. As italianas melhoraram, lideradas pela ponteira Costagrande. O set passou a ser disputado ponto a ponto e a Itália fechou a parcial por 25/23 em uma bola de china da central Gioli.

A Itália voltou ainda melhor para o segundo set. Com um bom bloqueio, as italianas abriram seis (8/2). O técnico Zé Roberto trocou duas jogadoras. Entraram Adenízia e Sassá e saíram Fabiana e Mari. Mesmo com as substituições, as atuais campeãs da competição continuaram a dominar o set e fecharam a parcial por 25/16.

O início do terceiro set foi marcado pelo equilíbrio. As italianas tinham dois pontos de vantagem na segunda parada técnica (16/14). As brasileiras cresceram no final da parcial, mas as italianas fecharam o set por 25/22 e o jogo por 3 sets a 0.

Brasil: Fabíola, Sheilla, Paula Pequeno, Mari, Thaisa e Fabiana – Líbero – Fabi. Entraram: Sassá, Adenízia, Tandara, Camila Brait e Dani Lins. Técnico – José Roberto Guimarães

Itália: Lo Bianco, Bosetti, Costagrande, Del Core, Gioli e Arriguetti – Líbero – Paola Croce. Entrou: Azanello. Técnico – Massimo Barbolini




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x