Search
Monday 10 August 2020
  • :
  • :

Itambé/Minas quer manter o foco na Superliga

Foto: Orlando Bento/MTC

Um duelo de campões. De um lado, o Itambé/Minas, dono da casa e da última taça da Superliga Feminina. Do outro o Sesc-RJ, campeão de várias edições e que, até então, estava invicto na competição nacional. Mas essa invencibilidade carioca caiu na noite desse sábado, na Arena Minas Tênis Cube, em Belo Horizonte (MG). Com um poder de ataque muito forte e apoiado por mais de 2.200 torcedores, o Itambé/Minas venceu, além do cansaço de quase 50 horas do retorno da China, onde disputou o Mundial de Clubes, o Sesc-RJ.

Com 3 sets a 0 (25/23, 25/20 e 25/22), o Itambé/Minas chegou aos 17 pontos na tabela de classificação e segue sem perder na edição 2019/20 da principal competição do Brasil. Agora, o time está na 4ª posição e tem dois jogos a menos em relação ao Sesc-RJ, que lidera a disputa, com 23 pontos. A levantadora Macrís foi eleita a melhor jogadora em quadra e levou o Troféu Viva Vôlei. A central Thaisa foi a maior pontuadora do Minas, com 14 pontos.

Dona do Troféu Viva Vôlei, a levantadora Macrís disse que a equipe precisa evoluir ainda mais e, mesmo com 3 a 0 diante do líder, o jogo foi pesado. “Apesar de 3 a 0, jogo contra o Rio de Janeiro nunca é fácil. As parciais foram equilibradas, e o time delas foi consistente o tempo todo. Mérito da nossa equipe, que conseguiu fazer um belo jogo e sair com a vitória. Todas estão de parabéns porque foi, realmente, uma partida muito difícil”, analisou a minastenista.

O técnico Nicola Negro comemorou muito a vitória, mas garante que o time já está focado no duelo de terça-feira, no interior de São Paulo. “Foi uma vitória muito importante para comprovar o nosso crescimento. Estamos evoluindo e isso é visto em quadra, jogo a jogo. Vamos comemorar a vitória agora, mas, o foco, já está no jogo de terça-feira. Teremos uma semana difícil, com compromissos importantes e vamos buscar bons resultados”, comentou o treinador minastenista.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x