Search
Friday 5 June 2020
  • :
  • :

Juba, sobre o compromisso do Sesi-SP, nesta sexta-feira: “Tem tudo para ser um bom jogo”

Crédito: Everton Amaro

 

Buscando o crescimento e figurar entre as oito equipes da Superliga Feminina 2016/17, o time de vôlei do Sesi-SP entra em quadra nesta sexta-feira (16/12). Jogando em São Paulo, mas na casa do adversário, as meninas da capital paulista enfrentam o E.C.Pinheiros, às 19h30.

 

Após não conseguir vencer o São Caetano (3 a 2) no confronto direto entre as duas equipes que figuram na parte debaixo da tabela da competição nacional, o Sesi-SP agora medirá forças contra o Pinheiros de olho na reabilitação. Para o técnico Giuliano Ribas, o Juba, o que atrapalhou o seu grupo na última rodada foi o excesso de responsabilidade. Ele acredita que o time entrou em quadra muito preocupado em vencer por estar em casa e falhou em outras coisas importantes para o jogo.

 

“As meninas entraram pensando muito em assumir a responsabilidade por estarem em casa e ainda se sentiram ansiosas por enfrentarem uma equipe que estava uma colocação abaixo, isso atrapalhou um pouco elas. Mas, apesar do resultado adverso no sentido de pontos, o comportamento da equipe do terceiro set em diante foi muito importante e posso computar essa atitude do grupo dentro do programa de amadurecimento. Foi uma demonstração de que elas podem reverter e melhorar jogos ao longo dessa competição”, explicou o treinador, que na sequência já alertou para o próximo compromisso, agora contra o Pinheiros fora de casa.

 

“Para o jogo contra o Pinheiros é bom estarmos com o alerta ligado, elas também vêm de uma derrota e isso fatalmente fará com que entrem com tudo, ainda mais dentro de casa, para tentar buscar uma reabilitação na Superliga. Temos que entrar muito focados. Fizemos um treino muito bom hoje, apesar das meninas terem sentido a derrota de 3 a 2, eu vejo que elas também estão se superando e conseguindo administrar essa sequência forte de jogos. Estão bem motivadas”, comentou Juba, que mesmo mais reservado, deu a letra do que será preciso para o jogo desta sexta-feira.

 

“Temos que segurar o adversário, que é um time que saca tão bem quanto o São Caetano, com sistema de bloqueio muito bom e duas jogadoras importantíssimas pelo meio, que conversam muito bem com a levantadora. Uma grande virtude delas. Temos que sacar bem para eliminar essas possibilidades do meio de quadra e acima de tudo, precisamos jogar bem, vibrantes. Tem tudo para ser um bom jogo”, finalizou.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »