Search
Friday 10 April 2020
  • :
  • :

Marcos Pacheco sobre saída da Cimed: “Meu ciclo acabou”

19/01/2012 – A notícia surpreendeu a todos. Nesta quinta-feira, em um comunicado, a Cimed anunciou que o técnico Marcos Pacheco não comanda mais a equipe na temporada 2011/2012 da Superliga Masculina. Quatro vezes campeão da competição com o time, o treinador tomou a decisão após a derrota para a equipe de Volta Redonda, por 3 sets a 0, no ginásio Capoeirão, palco da equipe catarinense.

"Muita gente vai me chamar de louco. É uma decisão muito dura, mas que foi tomada com consciência. Passei a noite em claro, pensei muito, conversei com a minha família e tomei esta decisão, que é irreversível", comunicou Pacheco, em declaração ao Click RBS.

O técncio era um dos profissionais que seguia com o projeto do time desde a sua primeira Superliga, em 2005, na qual foram campeões logo na estreia. Agora, somente Bruninho e Éder vão completar sete temporadas em Florianópolis. E Pacheco deixa a equipe na temporada em que o projeto agregou um novo patrocinador, a SKY, e contratou estrelas como Giba e Gustavo, que ainda não puderam ser efetivamente aproveitados.

"Não quero falar sobre as razões agora, de cabeça quente. Mas eu conversei com os jogadores, com a comissão técnica, com o Renan. Eles não aceitaram, tentaram me fazer mudar de ideia, mas entenderam meus motivos, e isso que é o mais importante", afirmou o treinador para a publicação catarinense".

Sem Pacheco, o auxiliar técnico da equipe Douglas Chiarotti assume o comando interinamente até a diretoria anunciar um novo nome. O primeiro desafio do ex-central à frente do time será no próximo sábado, dia 21/01, contra a UFJF, em Juiz de Fora, às 20h.

 




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »