Search
Tuesday 22 September 2020
  • :
  • :

Mesmo com título do Brasil, MVP do Sul-Americano é da Colômbia

Foto: CBV/Divulgação

Que o Brasil seria campeão Sul-Americano invicto no Peru, isso quase todo mundo tinha certeza. Agora o que pouca gente imaginava era que o MVP não fosse ficar para nenhuma atleta brasileira.

Apesar de ter quatro jogadoras entre as melhores do torneio, o MVP do Sul-Americano ficou com a Colômbia, que nem no pódio do torneio figurou.

Madelaynne Montaño, maior pontuadora do torneio, recebeu o prêmio. “Fico feliz por ser considerada a melhor jogadora do campeonato. Fui muito bem recebida em Ica, tive o carinho de todos aqui, e essa conquista é o resultado de todo um trabalho que venho tendo nesses anos”, disse a jogadora, que é a recordista de pontos em um único jogo no mundo, com 54 acertos.

O curioso foi o “troféu” que cada jogadora recebeu. Incomum para os padrões do vôlei, as melhores foram agraciadas com chocotejas, o chocolate tradicional do Peru, e uma garrafa de Pisco, uma cachaça feita do vinho.

Veja a seguir quem recebeu os prêmios de melhores jogadoras em cada posição.

Melhor jogadora – Madelaynne Montaño (Colômbia)
Melhor central – Fabiana (Brasil) e Mirtha Uribe (Peru)
Melhor oposto – Sheilla (Brasil)
Melhor líbero – Fabi (Brasil)
Melhor levantadora – Ahizar Zuniaga (Venezuela)
Melhor ponteira – Fernanda Garay (Brasil) e Karla Ortiz (Peru)




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x