Search
Tuesday 22 September 2020
  • :
  • :

Molico/Nestlé e Brasília Vôlei abrem nova fase da Superliga

Vai ser dada a largada para a fase decisiva da Superliga feminina de vôlei 13/14. Nesta rodada, a emoção aumenta e cada jogo é fundamental para o futuro do campeonato. Molico/Nestlé (SP), líder da fase de classificação de forma invicta, e Brasília Vôlei (DF), oitavo colocado, abrem o playoff das quartas de final da competição às 19h desta quinta-feira (20/03), no ginásio José Liberatti, em Osasco (SP). O SporTV transmite ao vivo.

Os outros duelos pelo playoff são entre Pinheiros (SP) e Unilever (RJ); Vôlei Amil (SP) e São Cristóvão/São Caetano (SP), além de Sesi-SP contra o Banana Boat/Praia Clube (MG). A fase de quartas de final acontece em uma série melhor de três. A equipe que vencer dois jogos estará classificada para a semifinal da Superliga.

O estreante Brasília Vôlei tem dois desfalques de peso para a partida desta quinta-feira. A levantadora Camilla Adão, com uma lesão no joelho, não disputará mais jogos nessa temporada, e a ponteira Paula Pequeno, que contundiu o pé, está fora da primeira partida do playoff.

Para a ponteira Érika, que voltou a jogar no Brasil nesta temporada após um período no exterior, o time candango sentirá falta das atletas, mas chegará ao confronto pronto para surpreender o Molico/Nestlé, líder e invicto na competição.

“O jogo é decidido dentro da quadra. Perdemos duas peças importantes para essa partida, mas tudo pode acontecer. A responsabilidade da vitória é delas. Temos que apresentar o nosso melhor voleibol e tentar surpreender. Estamos estudando o time de Osasco, trabalhando forte e vamos entrar em quadra muito motivadas. Gosto de partidas decisivas como essa”, disse Érika.

A experiente atacante, que foi medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos de Sidney/00, fez uma análise da participação do Brasília Vôlei nesta temporada.

“Estou muito feliz pelo retorno ao Brasil. Acreditei neste projeto que é capitaneado por duas ex-atletas que confio muito, a Leila e a Ricarda. Temos uma história na seleção e em clubes juntas. A cidade abraçou o projeto e todos por aqui estão nos apoiando. Começamos a preparação atrás dos outros clubes, mas a equipe cresceu no decorrer do campeonato e chegamos ao playoff”, afirmou a jogadora.

Pelo lado do Molico/Nestlé, a jovem ponteira Gabi tem menos experiência que Érika, mas atravessa um bom momento. Eleita a melhor jogadora na vitória da equipe de Osasco sobre a Unilever, na última rodada da fase de classificação, por 3 sets a 0, Gabi espera um confronto equilibrado contra o Brasília Vôlei.

“Mesmo com os desfalques da Camilla e da Paula sabemos que a partida não será fácil. Sem desmerecer tudo o que fizemos até aqui na competição, agora começa um novo campeonato. Todos os jogos são decisivos. Estamos treinando forte e temos tudo para fazer um bom jogo”, disse Gabi.

A atacante também comentou sobre a sua temporada. Mesmo tendo começado no banco na maioria das partidas, Gabi tem se destacado e tem sido uma peça chave no esquema tático do treinador Luizomar de Moura.

“Essa temporada está sendo muito legal. Tenho jogado bastante, além de aprender muito com as jogadoras mais experientes. Acredito que ainda tenho muito o que evoluir e espero o grupo faça um grande playoff”, finalizou Gabi.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x