Search
Monday 23 November 2020
  • :
  • :

Molico/Osasco disputa o Sul-Americano de Clubes de olho no quinto título‏

Foto: Luis Ventura/Melhor do Vôlei

Jaqueline levanta a taça do último título Sul-Americano do Osasco

A cidade de Osasco será sede da 14ª edição do Campeonato Sul-Americano de Clubes de Vôlei Feminino, no período entre 5 e 9 de fevereiro. As partidas serão realizadas no Ginásio José Liberatti, a casa da equipe do Molico/Osasco, campeã Sul-Americana em 2009, 2010, 2011 e 2012, sendo que, nos dois últimos títulos a cidade foi sede da competição. Tetracampeão do torneio, a equipe comandada pelo técnico Luizomar de Moura terá como concorrentes o SESI-SP, o Boca Juniors (Argentina), o Metropolitana Assunción (Paraguai), o San Francisco Xavier (Bolívia), o Club Liga Nacional Peru (Peru), o ADO (Chile), e o Universidad Politecnica (Colômbia). O campeão Sul-Americano garante uma vaga no Campeonato Mundial de Clubes, que será disputado de 06 a 11 de maio, em Zurich, na Suíça.  

As oito equipes foram divididas em dois grupos de quatro, sendo que, no Grupo A figuram o MOLICO/Osasco, o Boca Juniors, o Metropolitana Assunción e o San Francisco Xavier. No Grupo B estão o SESI-SP, o ADO, o Club Liga Nacional Peru e o Universidad Politecnica.  O time de Osasco foi campeão Sul-Americano nas temporadas de 2009, 2010, 2011 e 2012. Os primeiros quatro jogos da 14ª edição acontecem na próxima quarta-feira, quando Club Liga Nacional Peru enfrenta o ADO, às 15h. Em seguida, o Boca Juniors duela contra o Metropolitana Assunción, às 17h. No terceiro jogo da rodada, o MOLICO/Osasco, time da casa, estreia diante do San Francisco Xavier, às 19h. O último embate da primeira rodada será entre o SESI-SP e o Universidad Politecnica, às 21h.

Bicampeã olímpica e campeã Sul-Americana por Osasco, em 2012, a oposta Sheilla é a capitã do Molico/Osasco e sabe da importância que o título continental representa. “É um torneio muito importante e o Molico/Osasco está muito focado em conquistá-lo. O Mundial era o nosso objetivo desde o começo da temporada e o Sul-Americano é fundamental para chegarmos a essa meta. É um dos títulos que mais desejamos porque vale vaga no Mundial e estamos bastante determinados em retornar ao torneio que vencemos em 2012”.

A jogadora respeita todos os adversários, mas aponta o outro time brasileiro como provável rival de uma eventual decisão. “Temos que respeitar todos os adversários, mas sabemos que provavelmente a final deve ser contra o SESI-SP, que é um rival muito qualificado. Mesmo cientes da qualidade técnica dos brasileiros, não podemos entrar mais ou menos contra nenhum time. Temos que pensar em todos os jogos e respeitar os adversários, jogando sempre com seriedade porque qualquer adversário pode complicar, assustar, ganhar algum set e até vencer o jogo. Para evitar surpresas precisamos atuar concentrados diante de todos os rivais”, concluiu Sheilla.

O SESI-SP adquiriu o direito de disputar o Sul-Americano com o vice-campeonato da Copa Brasil, competição que o Molico/Osasco conquistou. É a primeira fez que o time feminino do SESI disputa um torneio internacional. “É uma competição inédita para o time feminino do SESI-SP e estamos muito empolgados com a oportunidade. Não conhecemos muito bem as equipes rivais, mas sabemos que as chilenas e as peruanas merecem atenção. Nossa idéia é fazer a final e buscar o título, que seria histórico para o SESI-SP”, declarou o técnico Talmo de Oliveira.

Shiamara Almeida, levantadora do Club Liga Nacional Peru, está feliz com a oportunidade de disputar o Sul-Americano e enfrentar as equipes brasileiras. “Estamos treinando para essa temporada com algumas meninas que não estavam no time no último torneio. Nós nos encontramos muito animadas para viajar ao Brasil e disputar o Sul-Americano de Clubes porque sabemos que vamos enfrentar equipes muito experientes. Sabemos que os times brasileiros são os favoritos porque possuem jogadoras que são campeãs olímpicas e isso também é uma motivação especial para nós”, disse a atleta do time peruano. Em 2013, o campeão sul-americano foi a Unilever.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x