Search
Monday 28 September 2020
  • :
  • :

Molico/Osasco e Pinheiros fazem duelo das melhores recepções da Superliga

João Pires/Fotojump

Camila Brait, do Molico, e Léia, do Pinheiros, farão um duelo particular nesta sexta-feira (05/12), a partir das 19h30, pela oitava rodada da Superliga, em jogo marcado para o ginásio José Liberatti. As duas líberos da Seleção Brasileira são as principais responsáveis por colocarem seus times nas duas primeiras posições no fundamento recepção. O time da capital lidera com 42,72% e 193 passes com sucesso. Já a equipe de Osasco aparece na segunda colocação, com 40,38% e 168 bolas precisas na mão da levantadora. Léia é a primeira individualmente, com 52,50%, e Brait a terceira, com 50%. A vice-líder no fundamento é Samara (50,91%).

Brait é amiga de Léia e conhece bem a jogadora do Pinheiros. As duas treinavam juntas e eram companheiras em Osasco até a temporada 2012/13. “Jogar contra o Pinheiros é sempre complicado, ainda mais com uma líbero como a Léia que dificilmente deixar a bola cair. Ela passa e defende muito bem e largada na frente dela raramente cai. Temos que sacar bem porque elas jogam com bolas rápidas e precisamos tirar a velocidade. Primeiro temos que tentar tirar o saque dela e depois tentar forçar ao máximo o serviço para quebrarmos a recepção”, comenta Brait.

Já o técnico Luizomar prefere não se prender aos números e enfatiza as virtudes do rival. “Eu não me apego muito a estatística. O Pinheiros é um time que respeitamos independente dos números. É uma equipe bem treinada pelo Wagão, voluntariosa e que defende bem. É o adversário que enfrentamos na semifinal do Paulista e que conhecemos bem. A levantadora (Macris) coloca uma velocidade interessante no jogo e tem também a Rosamaria, que faz um grande campeonato e é uma jogadora que conheço porque trabalhamos juntos nas seleções de base. Eles chegam para esse jogo após uma vitória importante diante do Dentil/Praia Clube. Tivemos três dias para trabalhar em cima das informações que temos do Pinheiros e estamos preparados para enfrentá-los”, afirma o treinador.

O Osasco ocupa o primeiro lugar da competição nacional com 21 pontos, 100% de aproveitamento e sem perder sets. Em sete rodadas, a capitã Thaisa e suas companheiras venceram Rio do Sul/Equibrasil, Uniara/AFAV e Camponesa/Minas, como mandante, e superaram Maranhão/Cemar, São Bernardo, Brasília Vôlei e São Cristóvão Saúde/São Caetano, como visitante. 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x