Search
Thursday 24 September 2020
  • :
  • :

Mundial: Contundidos preocupam brasileiros e russos

FIVB/divulgação

Lesionado no segundo set, Moroz saiu do ginásio direto para o hospital

Pode ter sido caro o preço cobrado ao Brasil pela vitória sobre a Rússia. Sidão acusou uma dor no joelho e foi poupado do quarto set apenas por precaução. A situação de Wallace e a de Murilo, a princípio, são mais preocupantes.

No segundo set, Wallace sofreu uma entorse no pé, na descida do bloqueio, e deu lugar a Vissotto. Já Murilo, durante o set decisivo, sentiu uma fisgada na coxa e saiu da partida.

“Eles estavam sem os dois opostos (nos últimos sets). A gente pode ter pedido dois jogadores também, vamos ver. Acho que qualquer jogador preocupa. Mas hoje, Murilo, por ser uma lesão muscular, é quem preocupa mais”, reconhece Lucão.

Como lembrou o central brasileiro, a Rússia foi para a partida sem o oposto titular Nikolay Pavlov, poupado dos dois jogos do fim de semana. Durante o segundo set, o time russo também perdeu o reserva imediato de Pavlov, Pavel Moroz, com uma torsão no pé direito.

“É uma longa competição, acidentes acontecem”, afirma o levantador Bruno, sem deixar de lembrar que este é o mundial de vôlei que mais partidas prevê para os finalistas. Quem quiser subir no pódio, terá disputado 13 jogos.

Wallace já está em tratamento, enquanto Murilo vai ser examinado amanhã. Já o russo Moroz saiu do ginásio direto para o hospital, no fim do segundo set.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x