Search
Tuesday 22 September 2020
  • :
  • :

Mundial: Marcos Kwiek fala sobre planejamento e boa fase das dominicanas

Foto: Divulgação/FIVB

Classificado para a terceira fase do Mundial Feminino de Vôlei, o brasileiro Marcos Kwiek, técnico da República Dominicana em entrevista com exclusividade aos leitores do Melhor do Vôlei contou sobre o planejamento e a recuperação das Dominicanas no Mundial. Kwiek falou dos desafios de enfrentar Brasil e China. 

MDV: Marcos, depois o fraco desempenho das Dominicanas no Grand Prix, como foi trabalhar com as jogadoras pensando no Campeonato Mundial?

Marcos Kwiek: Não julgo que foi um desempenho fraco, visto que enfrentamos os melhores times do mundo e fizemos grandes jogos, contra todos. Usamos o Grand Prix para dar rodagem a todas as jogadoras e definir nosso grupo para o Mundial.


MDV: Classificada para a terceira fase do Mundial, qual é o maior mérito desta equipe?

Marcos Kwiek: Foi um ano de muito trabalho em todos os sentidos, dentro e fora da quadra. Ainda temos muito trabalho pela frente, eu acho que essa palavra pode definir tudo: trabalho.

Leia também: Sorteio define os dois grupos da terceira fase do Mundial

MDV: Das seis seleções classificadas, você vê a República Dominicana como zebra nesta fase?

Marcos Kwiek: Nosso planejamento em 2014 foi todo voltado para o campeonato mundial e os jogos Centro Americanos sabíamos que íamos ter um ano muito complicado, com muitas competições e que o Grand Prix seria muito difícil pela formula [de disputa] desse ano. Por isso, eu não considero que somos a zebra. No voleibol não existe zebra, existe o time que não se preparou e o que se preparou. Se estamos onde estamos, é porque nos preparamos para isso, ninguém nos deu nada de presente, estamos [na terceira fase] porque merecemos e fomos competentes, É a premiação por tudo que trabalhamos.

 
MDV: O que esperar dos jogos contra Brasil e China?

Marcos Kwiek: Poderíamos ter Rússia, Itália e USA, ou seja, não tem muito que escolher, para onde quer que se olhe não tem moleza, então, não tem como escolher adversário, tem que se preparar da melhor maneira possível e jogar cada jogo, como se fosse o jogo da sua vida.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x