Search
Monday 21 September 2020
  • :
  • :

“Não faltou raça”, diz Vivo Minas após eliminação da Superliga

Foto: Divulgação/Minas Tênis Clube

Na manhã deste sábado, Vivo/Minas e Sada Cruzeiro fizeram mais um grande clássico mineiro, na Arena Vivo. Em jogo válido pela semifinal da Superliga 2013/14, a equipe minastenista lutou em quadra, mas acabou derrotada pelo Sada Cruzeiro por 3 sets a 0, parciais de 21-17, 21-17 e 21-16. O ponteiro cruzeirense Leal foi o grande destaque do jogo. O jogador foi o maior pontuador da partida, com 12 pontos, e ainda ficou com o Troféu Viva Vôlei.

Com a vitória, o time cruzeirense se classificou para a grande final da Superliga, já que venceu também o primeiro duelo entre as equipes, no último sábado. O time celeste agora aguarda a definição do seu adversário, que sairá do confronto entre Sesi-SP e Vôlei Brasil Kirin.

Após a partida, o levantador Marcelinho, capitão da Vivo/Minas, analisou a temporada da equipe. “Fizemos uma ótima temporada, superamos algumas adversidades, a troca de treinador e tivemos grandes momentos ao longo da competição. Nosso grupo é maravilhoso, e tivemos sempre o apoio do Clube e da diretoria. O importante é que terminamos a temporada de cabeça erguida”.

O técnico Ricardo Picinin, que assumiu a equipe já na reta final da temporada, ressaltou a qualidade da equipe adversária. “Enfrentamos uma equipe muito forte, sem dúvida a melhor do mundo. Sabíamos das dificuldades, mas jogamos bem. Infelizmente não foi o suficiente para vencer os jogos”.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x