Search
Friday 18 September 2020
  • :
  • :

Nesta sexta-feira, Sollys e Sesi-SP fazem duelo de nove campeãs olímpicas

Foto: Alexandre Arruda/CBV.

Sollys/Nestlé.

A sétima rodada da Superliga Feminina 2012/2013 marcará um encontro de grandes estrelas. De um lado, Jaqueline, Sheilla, Thaísa e Fernanda Garay, do Sollys/Nestlé. Do outro, Dani Lins, Fabiana, Tandara, Sassá e Carol Albuquerque. Todas campeãs olímpicas. O encontro de nove medalhistas de ouro em Pequim/08 e Londres/12 – sem contar com a central do time de Osasco, Adenízia, que está lesionada e não jogará – será nesta sexta-feira (14/12), às 21h, no ginásio José Liberatti, em Osasco (SP). A partida terá transmissão ao vivo do SporTV.

O confronto promete ser equilibrado, já que jogadoras dos dois times apostam em uma partida difícil. Para a oposto do Sollys/Nestlé, Sheilla, esse tem tudo para ser um jogo de grade valor para o seu time. “Essa partida vai se muito importante para o nosso time já que uma vitória nos mantém na liderança do campeonato”, destacou Sheilla.

E a jogadora ainda lembra que, contra a equipe do Sesi-SP, todo cuidado é necessário. “Elas têm um time muito forte, com jogadoras experientes que podem mudar a história de um jogo. Nossa equipe está jogando bem, mas temos que ter muita atenção durante todo momento porque esse vai ser um jogo muito complicado”, garantiu Sheilla.

A levantadora do Sesi-SP, Dani Lins, concorda e chama atenção para um detalhe: o fato das duas equipes se conhecerem muito bem. “Com certeza esse vai ser um jogo muito difícil. Acho que o fato de conhecer as jogadoras do outro time ajuda, mas isso acontece para os dois lados, o que não representa vantagem para nenhum lado”, comentou Dani Lins.

Sesi-SP. Foto: Eugênio Vieira/Melhor do Vôlei.

Sesi-SP. Foto: Eugênio Vieira/Melhor do Vôlei.

A campeã olímpica nos Jogos de Londres ainda afirma que o fundamental, na noite desta sexta, é somar pontos na classificação. “Pela dificuldade da partida, vamos para Osasco para buscar pelo menos um ponto. Sabemos que jogar contra o Sollys não é fácil, principalmente na casa delas, onde a torcida sempre ajuda muito. Mas temos que estar preparadas para jogar sob pressão e buscar um bom resultado de qualquer maneira”, disse a levantadora do Sesi-SP.

O Sollys/Nestlé está na primeira colocação da tabela, com 15 pontos e a campanha de seis jogos e cinco vitórias. O Sesi-SP ocupa a quinta posição, com 12 somados depois de quatro resultados positivos e dois negativos.

Outros jogos

A sétima rodada terá início nesta quinta-feira (13/12), com o confronto entre São Bernardo Vôlei e Unilever. A partida será às 19h, no ginásio do Baetão, em São Bernardo, e terá transmissão ao vivo do canal SporTV. Na sexta, além de Sollys/Nestlé x Sesi-SP, serão realizados outros dois jogos. Às 20h, o Pinheiros, que vem de vitória sobre a Usiminas/Minas, terá o Vôlei Amil como adversário. O jogo será no Henrique Villaboim, em São Paulo. E, às 20h15, o Rio do Sul receberá o São Cristóvão Saúde/São Caetano, às 20h15, no ginásio Artenir Werner, em Rio do Sul. A rodada será encerrada no sábado (15/12), com a partida entre Banana Boat/Praia Clube e Usiminas/Minas. O duelo mineiro acontecerá às 14h30, no ginásio do Praia Clube, em Uberlândia, e será transmitido pelo SporTV.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x