Search
Tuesday 29 September 2020
  • :
  • :

No grupo do Brasil, estrelas de China e Coreia brilham e superam europeias

Divulgação/FIVB

Yimei Wang (esquerda.), dúvida para as Olimpíadas, segue como titular e brilhando ao lado de seus companheiras.

A segunda rodada do torneio feminino de vôlei de quadra começou com domínio oriental. No primeiro jogo do dia, a seleção chinesa superou a Turquia, de Neslihan Darnel e Marco Aurélio Motta, e somou mais três pontos na tabela do grupo B. Na partida seguinte, a Coreia do Sul, liderada por Kim Yeon-Koung, venceu a Sérvia e alcançou seu primeiro triunfo na competição.

Com uma grave lesão no tornozelo semanas antes dos Jogos Olímpicos, a ponteira Yimei Wang voltou à equipe titular da China e seu retorno parece ter surtido efeito em suas companheiras, que voltaram a atuar em seu melhor estilo. O time venceu a Turquia na manhã desta segunda-feira (30/07) por 3 sets a 1, parciais de 25-20, 25-20, 29-31 e 25-22, e agora tem seis pontos na tabela. Na rodada de abertura, o time havia superado a Sérvia, também por 3 a 1.

Ruoqi Hui foi o nome do time chinês com 21 acertos. Foram 14 em ataques (36%), cinco em bloqueios e dois em saques. A meio de rede Junling Yang veio na sequência com 16 – 11 em ações ofensivas (50%) e cinco em bloqueios. Wang contribuiu com 14, todos em ataques, com 41% de eficiência. O bloqueio foi o destaque da equipe treinada por Yu Juemin com 17 pontos, contra apenas seis da Turquia (cinco só da central Eda Erdem). O time também errou menos, com 17 falhas – contra 27 das europeias.

Darnel e Erdem foram as maiores pontuadoras turcas na partida. A oposto da equipe anotou 15 vezes em ataque (35%) e um ace, enquanto a meio de rede contribuiu com dez em ataques (50%), cinco em bloqueios e um ace. Darnel não fez um bom jogo, com um excessivo número de erros nos ataques (11).

Liderados pela estrela Kim Yeon-Koung, a Coreia do Sul alcançou um grande resultado nesta segunda. Em confronto direto pela classificação à próxima fase, o time oriental superou as sérvia com certa facilidade por 3 sets a 1, parciais de 25-21, 25-16, 16-25 e 25-21. Kim foi o nome da partida com 34 pontos, sendo 28 em ataques (com a incrível marca de 67% de aproveitamento), cinco em bloqueios e um ace. Pelo lado da Sérvia, Sanja Starovic, que veio do banco de reservas, marcou 16: 13 em ataques (46%), dois em bloqueios e um ace.

Na terceira rodada dos Jogos Olímpicos, a China enfrenta os Estados Unidos, enquanto a Coreia do Sul tem as brasileiras pelo caminho.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x