Search
Saturday 19 September 2020
  • :
  • :

No último jogo do ano, Rio do Sul/Equibrasil é derrotado pelo Sesi-SP

Em partida isolada e válido pela terceira rodada do turno da Superliga, o Sesi-SP derrotou Rio do Sul/Equibrasil nesta segunda-feira (29 de dezembro) em São Paulo. Por 3 sets a 1 (25/19, 25/17, 29/31 e 25/16), as donas da casa levaram a melhor e fecharam o ano com mais três pontos e continuam como o segundo lugar na competição nacional. Já Rio do Sul/Equibrasil, mesmo não pontuando, continua em nono na classificação.

Bárbara foi escolhida a melhor do jogo, mas teve a mesma pontuação de companheiras como Fabiana e Suelle, todas com 15 acertos. A oposto Duda de Rio do Sul entrou no segundo set e foi o principal destaque, anotando 16 pontos.
Enfrentar o melhor bloqueio da Superliga no primeiro turno foi um dos mais complexos desafios para as catarinenses. Apesar de ser a maior pontuadora do set pelo lado de Rio do Sul, Natiele foi várias vezes anulada, o que ofereceu uma vantagem no placar para o time paulista. Na segunda etapa, o número de erros das catarinenses foi o grande diferencial para que o Sesi-SP tivesse maior vantagem.
No terceiro set com a entrada de Duda e da levantadora Luciana o time melhorou na parte inicial e Rio do Sul/Equibrasil levava a vantagem até o ponto 16. Pelo lado do Sesi-SP, Bárbara que já vinha tendo um jogo extremamente completo, conseguiu se destacar ainda mais nesta parcial. Só que Duda mudou completamente o jogo e com 10 pontos apenas neste set garantiu um respiro extra para as catarinenses na partida.
Entretanto, o Sesi-SP ajeitou a casa rapidamente. Nos ataques de Suelle e Fabiana, as paulistas foram ampliando uma confortável vantagem. Além disso, Rio do Sul/Equibrasil teve um número de erros maior, o que dificultou ainda mais na aproximação do placar.
O técnico Spencer Lee comentou da dificuldade de se jogar contra o Sesi-SP, ainda mais fora de casa, ressaltando que mesmo com uma boa atuação em vários momentos do jogo, fica difícil vencer quando se comete erros e se pontua menos em fundamentos como saque ou bloqueio. “Defendemos muito bem e tivemos vários momentos de rallys bem acirrados. A gente fica triste pela derrota, mas feliz pela postura, diante de um time que certamente vai brigar pelo título”, observou.
Já a oposta Duda, que teve seu melhor jogo em todo o primeiro turno da Superliga, aposta no entrosamento para melhorar mais ainda nos próximos jogos. “Fomos ganhando mais ritmo e confiança ao longo do jogo e nós tivemos muitos momentos bons. Vamos trabalhar muito para fazer ainda mais pelo time na sequência da Superliga”, antecipa Duda.
Após este jogo, o elenco do time Rio do Sul/Equibrasil terá folga para a virada do ano, mas já se reapresenta no dia 2 de janeiro para treinos no ginásio Artenir Werner. A primeira partida de 2015 será no dia 6 de janeiro, contra o Dentil/Praia Clube, às 19h30 em Uberlândia (MG). Em casa, as catarinenses jogam contra o Molico/Nestlé (SP), no dia 12, às 20h no ginásio Artenir Werner.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x