Search
Wednesday 30 September 2020
  • :
  • :

O “pacotão” de renovações do Itambé/Minas

Carol Gattaz, Kasiely, Thaisa e Léia permanecem na equipe do técnico Nicola Negro (Foto: Orlando Bento/MTC)

Com a continuidade dos patrocinadores, a o Minas Tênis Clube renovou contrato com o técnico italiano Nicola Negro, que vai dirigir o Itambé/Minas pela segunda temporada, e mais quatro peças importantes do elenco passado. Permanecem no time as centrais Carol Gattaz e Thaisa Daher; a líbero Léia; e a ponteira Kasiely, além da levantadora Macrís, que foi anunciada essa sexta-feira (7). A Diretoria e os patrocinadores trabalham para anunciar, nos próximos dias, as demais jogadoras que vão defender o azul e branco do clube mais tradicional do Brasil.

O técnico Nicola já retornou da Itália, onde passou o período de isolamento social causado pela pandemia de Covid-19. Em Belo Horizonte desde a semana passada, o treinador comemora a chance de poder dar continuidade ao trabalho iniciado na última temporada. “Primeiro de tudo, eu quero destacar que estou muito feliz em seguir com o meu trabalho no Minas e de poder recomeçar o que, infelizmente, tivemos que parar, antes do início dos play-offs da Superliga. Fechamos a temporada passada com o título do Campeonato Sul-americano e construímos grande confiança para tentar defender o título nacional, mas não foi possível. Ainda está tudo muito indefinido, mas o importante é, de agora para frente, recomeçar. Teremos algumas mudanças no elenco, que, claro, é muito normal em todas as temporadas, e conseguimos confirmar um time importante, com jogadoras experientes e que nos permitirão fazer uma boa temporada”, planejou o comandante da equipe minastenista.

A central Carol Gattaz vai defender a equipe minastenista pela sétima temporada seguida. Por aqui, a pentacampeã do Grand Prix com seleção brasileira, venceu duas vezes o Campeonato Mineiro, três vezes o Sul-americano de Clubes, uma Copa Brasil e a Superliga 2018/19. A atleta não esconde a satisfação em defender o Clube por mais uma temporada. “Eu estou muito feliz e continuo com a mesma energia e empolgação de quanto cheguei, em 2014. Claro, agora, com muito mais amor. A cada temporada que eu passo aqui, eu fico com mais amor e carinho por esse clube maravilhoso, pela diretoria e pelos torcedores, que sempre me recebem com muito respeito e carinho. Então, é uma honra representar o Minas, que, para mim, é o time mais seguro e mais respeitado do vôlei brasileiro. Somos a equipe que mais ganhou títulos nos últimos anos e, com certeza, é o time que qualquer jogadora gostaria de jogar, até mesmo pela estrutura, pelos patrocinadores e que ano a ano vem melhorando e crescendo. Fico muito honrada em poder fazer parte de tudo isso por mais um ano”, comemorou a capitã minastenista.

A líbero Léia vai vestir a camisa minastenista pelo sexto ano consecutivo. Para ela, o Minas é uma grande família e, por aqui, ela se sente em casa. “Estou muito alegre por permanecer no Minas por mais uma temporada. Aprendi a amar este lugar, os torcedores e as pessoas que fazem este clube ser uma referência nacional. Já são cinco anos morando em BH e fazer parte desta família me torna uma mineirinha de coração. Espero que a gente consiga fazer uma boa temporada e que todos os nossos objetivos sejam alcançados”, comentou a jogadora, que representou o Brasil nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

A central e bicampeã olímpica Thaisa, que está em sua segunda passagem pelo Minas, também permanece para mais uma temporada. Um dos destaques da Superliga passada, liderando os fundamentos de bloqueio e ataque em várias rodadas, disse que espera ser ainda mais consistente na temporada 2020/21. “Estou muito feliz em continuar. Eu amei estar aqui, foi uma temporada incrível. Eu tive ótimos profissionais cuidando da minha saúde, do meu joelho e me fazendo sentir feliz, querendo estar sempre em quadra, seja para os treinos ou para os jogos. Pena que, na melhor parte, a Superliga foi encerrada (competição cancelada devido a pandemia). Agora, a vontade de voltar e preparar da melhor forma é muito grande. Essa última temporada foi como tirar o doce da boca de uma criança, então, a vontade é grande. Espero fazer mais que a última temporada e vou dar o meu máximo para ser melhor, por que o gostinho de quero mais ficou guardado. Estou muito satisfeita em continuar fazendo parte do time Itambé/Minas”, disse a central Thaisa.

A ponteira Kasiely destaca a grandeza do Minas e espera conquistar mais títulos com a camisa minastenista. “O Minas é um clube que todo atleta quer jogar e poder ir para a segunda temporada vestindo essa camisa, para mim, é uma felicidade muito grande. Estou muito ansiosa por esta temporada e tenho certeza que ela será muito produtiva. Vamos trabalhar bastante para trazer mais títulos para o Clube e dar mais alegria para a nossa torcida apaixonada”.

Além das atletas renovadas, duas jovens promessas da base minastenista serão integradas ao elenco do Itambé/Minas, o que mostra a força do Clube na formação e revelação de talentos. Estarão à disposição do técnico Nicola Negro, as centrais Júlia Kudiess, de 17 anos, e Luiza Vicente, de 16 anos. As duas atletas têm passagens pela seleção brasileira de base.

A atletas e comissão técnica da equipe Itambé/Minas passará por exames, nos próximos dias, para detectar a existência ou não do Coronavírus. Após os testes e com segurança, a equipe minastenista iniciará os treinamentos preparatórios para a temporada 2020/21.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x