Search
Friday 4 December 2020
  • :
  • :

Olimpíada deve marcar despedida de Kim Yeon-Koung da seleção

Foto: Arquivo

Tudo indica que a olimpíada do Japão, que foi adiada para 2021, marcará o fim de uma geração de vitoriosas atletas. Depois de de garantir novamente uma das vagas para a Coreia do Sul, Kim Yeon-Koung deve se aposentar da seleção, hoje comandada pelo treinador Stefano Lavarini. Aos 32 anos, a ponteira planeja jogar por mais algumas temporadas em clubes.

Maior pontuadora e MVP na edição de Londres, em 2012, Kim disputou as duas últimas temporadas pelo Eczacibasi VitrA. Após o Pré-Olímpico do início do ano, ela sofreu uma lesão e desfalcou a equipe turca nas competições. De acordo com a imprensa internacional, são grandes as chances de um retorno para a liga chinesa, que é mais curta, resultando em um melhor preparo na seleção.

Se a sul-coreana planeja seguir por equipes, atletas dos Estados Unidos já falam abertamente em aposentadoria definitiva, como as ponteiras Jordan Larson e Kimberly Hill.

E outras importantes baixas já aconteceram em outros países que não se classificaram, como é o caso da Tailândia, que perdeu a vaga justamente para a Coreia do Sul. A habilidosa Nootsara Tomkom queria estar em Tóquio, puxou a lista de jogadoras que não mais representará o país.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x