Search
Tuesday 27 October 2020
  • :
  • :

Pela primeira vez com novo nome, Molico/Osasco vence Maranhão Vôlei

Foto: Régis Thiago/Melhor do Vôlei

Atuando com novo nome, novas cores, ginásio repaginado e novidades no uniforme, o Molico/Osasco fez o que sempre esteve acostumado a fazer: vencer. Diante de sua torcida, o time vence o Maranhão Vôlei por 3 a 0, parciais de 21-11, 21-17 e 21-16.

O destaque do jogo foi a líbero Camila Brait, que  recebeu o Viva Vôlei.

Em quadra, o Molico Osasco apresentou o mesmo estilo de sempre, formado pela base da seleção brasileira. As novidades ficaram por conta das utilizações de Talita e Gabi, ocupando as vagas das estrangeiras que ainda entrarão na equipe. Quem também teve sua oportunidade foi Larissa, convocada pela seleção brasileira sub-23, assim como Gabi, ela atuou por alguns pontos durante o jogo.

No Maranhão Vôlei, o técnico Chicão, ainda procurando o melhor jogo para a equipe, teve muito trabalho com instruções à beira de quadra. Em alguns momentos, o MV chegou a estar na frente do placar, como nos tempos técnicos de 14º ponto do segundo set e do 7º ponto do terceiro. Porém, como todo time em formação, cometeu erros táticos, o que fez o resultado terminar à favor de Osasco.

Yael irregular fará MV perder pontos

Uma notícia que surpreendeu a todos antes do início do jogo foi a não regularização da inscrição da argentina Yael Castiglione pelo Maranhão Vôlei. Segundo o técnico Chicão, um erro do banco foi o responsável pela não inscrição correta da atleta. Para ele, o clube não tem culpa, pois fez tudo correto e o banco, que estava em greve, não enviou comprovante para a federação argentina liberar o atestado de transferência.

Finalizando, Chicão disse que para ele, a atleta está regularizada, caso contrário, não teria colocado ela para jogar.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x