Search
Sunday 27 September 2020
  • :
  • :

Reta final de preparação para o Desafio das Américas

07/10/2011 – O Desafio das Américas será na próxima semana e, para chegar bem preparada para os dois confrontos contra o Canadá, a seleção brasileira masculina de vôlei vem treinando pesado no Aryzão, o Centro de Desenvolvimento do Voleibol, em Saquarema (RJ). Os jogos serão nos dias 14 e 15 de outubro, às 21h, no ginásio Ilha de São João, em Volta Redonda, ambos terão transmissão ao vivo do canal Sportv. E, na semana seguinte, no dia 20, o grupo embarcará para Guadalajara, onde disputará os Jogos Pan-Americanos.


O jovem levantador Murilo Radke, que compõe o grupo que estará em Volta Redonda e no Pan do México, demonstra disposição. Aos 22 anos, Murilo tem a chance de estar, pela primeira vez, ao lado dos principais jogadores do país.

“O meu objetivo é aproveitar ao máximo tudo que eu puder para aprender e ajudar a seleção. Temos dois jogos em Volta Redonda e, depois, voltamos nosso foco para o Pan-Americano, onde pretendo ajudar a equipe a conseguir uma medalha”, afirmou Murilo, campeão mundial juvenil em 2009, que será reserva de Bruno, medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Pequim/2008.

A semana de treinos no Aryzão também foi bem utilizada pelo levantador. “Acredito que o trabalho seja uma crescente e quero aproveitar bem esse momento para evoluir”, explicou Murilo Radke.


Da juventude à experiência


Se por um lado, a disposição do jovem levantador é admirável, esse entusiasmo passa a ser ainda mais respeitável quando se trata do experiente central, Gustavo, que, aos 36 anos, é um dos mais animados com os próximos desafios.

“O melhor é estar jogando sempre. Volta Redonda tem um público que gosta de vôlei e que espero que torça com muito carinho pelo nosso time”, disse Gustavo, que garante estar à vontade entre jogadores mais jovens como o próprio Murilo Radke, além do ponteiro Ricardo Lucarelli e de seu companheiro de posição, Maurício.

“É um prazer estar com jogadores mais novos. É bom ver como eles chegam aqui, com uma vontade enorme de demonstrar que estão dispostos a aprender, e isso me deixa ainda mais animado. Acredito que isso seja importante não só para mim, como para outros experientes como Bruninho, Éder, Wallace, Thiago Alves, Mário Júnior”, disse o campeão olímpico em Atenas/2004.

 

 
 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x