Search
Sunday 27 September 2020
  • :
  • :

Rio do Sul belisca um set, mas Unilever vence no Rio de Janeiro

 19/12/11 – A Unilever conquistou a terceira vitória consecutiva na Superliga 2011/2012, sobre o Rio do Sul (SC), nesta segunda-feira (19/12), por 3 sets a 1, parciais de 22-25, 25-11, 25-16, 25-10. Acionadas pela levantadora Fernanda Venturini, as meios-de-rede Valeskinha e Juciely se destacaram em quadra, depois de um início de jogo difícil.

"); // -->

 

Mostrando um melhor entrosamento, a equipe carioca ainda teve ponto marcado pela líbero Fabi, que saiu do Tijuca Tênis Clube com o Troféu Viva Vôlei. A líbero teve um aproveitamento de 75% na defesa e 47% na recepção. Sheilla foi a maior pontuadora da partida, com 18 pontos. Juciely marcou pontos e Mari veio em seguida com 15.

Pelo Rio do Sul, o destaque foi a ponteira Puly, com 11 pontos. Outros destaques foram as atacantes Priscila Souza e Aline com 10 pontos cada uma. Priscila ainda se destacou com 68% de aproveitamento na defesa.

  

Fotos: Alexandre Loureiro/Vipcom

Valeskinha, que já jogou com Fernanda Venturini, comentou que ela faz bem o trabalho com as jogadoras que atuam pelo meio. "As meios-de-rede estão conseguindo receber as bolas e colocar no chão, deixando as ponteiras liberadas. O time está começando a ganhar regularidade. Ainda erramos algumas bolas bobas, parece até que dá um branco. Quando tirarmos esses erros da frente, vamos crescer", avaliou a jogadora.

Já Juciely disse que está se adaptando às bolas rápidas de Fernanda, com quem nunca havia jogado. "Ela é uma jogadora muito acessível. À medida que trabalhamos, o entrosamento fica maior. As bolas das centrais estão encaixando mais", comentou a mineira, que completou 31 anos neste domingo (18/12). "A vitória é sempre um presente, mas o primeiro set poderia ter sido melhor. Perder um set numa Superliga tão equilibrada pode fazer falta lá na frente."

  
Fotos: Adriano Barbos/Fernanda Jund/Melhor do Vôlei
 
A equipe foi comandada pelo assistente técnico Hélio Griner. O técnico Bernardinho, que está com uma virose, assistiu à partida do banco. "O time esteve bem abaixo do esperado no passe, no primeiro set, e o Rio do Sul foi superior. Quando tentamos recuperar, não havia mais possibilidade. Fizemos um segundo set tranquilo e, no terceiro set, voltamos a suar um pouco, mas conseguimos abrir. No quarto set, a equipe dominou o jogo, mais uma vez", analisou Griner, acrescentando que a equipe esteve bem no bloqueio em momentos importantes. "As meios-de-redes fizeram um bom jogo e acabaram sendo uma referência para a Fernanda."

Pela segunda vez em três vitórias da Unilever nesta Superliga (a primeira foi no jogo contra São Caetano, também no Tijuca), a líbero Fabi saiu da quadra com o Troféu Viva Vôlei. Fabi protagonizou um dos momentos mais emocionantes da partida, quando marcou um ponto para a equipe carioca. "É uma coisa que não costumo fazer nos jogos, faço mais nos treinos. Eu antecipo a jogada e mando de primeira. O adversário não espera. Fiquei muito envergonhada quando a torcida começou a gritar o meu nome", confessou Fabi.

Unilever: Fernanda, Sheilla, Mari e Régis, Valeskinha e Juciely, Fabi (líbero). Técnico: Bernardinho. Entraram depois: Amanda, Carol, Juju, Roberta  e Ju Nogueira.

Rio do Sul: Ana Paula, Puly e Pri, Mayhara e Pool, Aline, Nine (líbero). Técnico: Rogério Portela. Entraram depois: Simone, Claudinha, Ellen Braga, Letícia e Lu.
 



Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x