Search
Tuesday 29 September 2020
  • :
  • :

Saiba tudo sobre a estreia do Rexona-Sesc no Mundial de Clubes

Crédito: Divulgação FIVB

 

Depois de muito treino desde que levantou mais um troféu da Superliga, no final de abril, chegou a hora do Rexona-Sesc entrar em quadra pelo Mundial de clubes. A equipe carioca entrará em quadra nesta terça-feira (09.05), às 7h (horário de Brasília), diante do Hisamitsu Springs, time da casa, em Kobe, no Japão, e espera garantir a primeira vitória. A partida terá transmissão do canal SporTV e do canal oficial da Federação Internacional de Vôlei (FIVB), na internet.

 

Com a experiência do último Mundial de clubes, realizado em outubro de 2016, nas Filipinas, Bernardinho traçou uma viagem diferente para o Japão. Fez duas paradas antes de chegar a Kobe e conseguiu treinar bastante para a estreia desta terça.

 

“A ideia do Bernardo de dar essas duas paradas antes de chegar a Kobe fez a viagem não se tornar tão cansativa para a gente, como foi a do último mundial, nas Filipinas. A adaptação ao fuso foi bem melhor e tivemos todas as oportunidades de treinamento durante esse período, como se tivéssemos no Brasil. Foi bom para não perder o ritmo. Está todo mundo muito bem e com muito foco em fazer um bom campeonato”, analisou a levantadora Roberta.

 

Neste domingo, o Rexona-Sesc realizou um amistoso com o atual campeão mundial, o Eczacibasi, da Turquia. Foram quatro sets disputados e cada equipe venceu dois (25/19, 23/25, 23/25 e 25/18), mostrando que a campeão brasileiro e sul-americano entrará forte na competição.

 

“Se compararmos com o último mundial, disputado há nove meses, temos mais conjunto e ritmo. Somos um time mais time. Não somos uma equipe que possui uma estrela do vôlei mundial. Dependemos de nosso conjunto, de consistência, pois não temos jogadoras muito altas e não temos também aquela jogadora que pode marcar 30 pontos e decidir um jogo”, analisou Bernardinho.

 

E quis o destino que a estreia no Mundial fosse diante do mesmo clube com o qual o Rexona-Sesc disputou sua última partida pela competição. Na decisão do quinto lugar, em outubro de 2016, o time carioca venceu o Hisamitsu Springs por 3 sets a 2 e espera repetir o triunfo para dar o primeiro passo em direção ao seu objetivo, que é avançar para as semifinais.

 

“Estamos aqui para dar o nosso melhor e tentaremos crescer ao longo da competição. Sabemos que será um torneio duríssimo, com times fortes, mas vamos brigar para estar nas semifinais”, finalizou Bernardinho.

 

Jogos do Rexona-Sesc no Mundial de clubes
Terça-feira (09.05) – Rexona-Sesc x Hisamitsu Springs, às 7h (Horário de Brasília)
Quarta-feira (10.05) – Rexona-Sesc x Vakifbank, às 0h45 (Horário de Brasília)
Quinta-feira (11.05) – Rexona-Sesc x Dínamo Moscou, às 21h30 (Horário de Brasília)




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x