Search
Wednesday 30 September 2020
  • :
  • :

Seleção Feminina conhece primeiros adversários do Sul-Americano

 21/09/11 –  A seleção brasileira feminina de vôlei já conhece os primeiros desafios que terá pela frente na disputa do Campeonato Sul-Americano, que será disputado entre os dias 28 e dois de outubro, em Lima, no Peru. O Brasil está no grupo B, ao lado de Argentina, Chile e Paraguai. Na chave A, duelam Peru, Colômbia, Uruguai e Bolívia.

Tandara e Fabi treinam com a Seleção (Foto: Divulgação)


A estreia brasileira será no dia 28 contra o Paraguai, no ginásio Miguel Grau del Callao. Em seguida, as brasileiras enfrentarão Chile e Argentina, respectivamente. O Sul-Americano dará até duas vagas para a Copa do Mundo, de quatro a 18 de novembro, no Japão. O campeão estará automaticamente classificado. O segundo colocado disputará a competição caso esteja entre os quatro melhores segundos lugares nas disputas continentais de acordo com o ranking da Federação Internacional de Voleibol. Na Copa do Mundo, os três primeiros colocados estarão classificados para os Jogos Olímpicos de Londres/2012.


“O nosso sonho olímpico começa agora no Sul-Americano. Este será o primeiro passo em busca de uma medalha olímpica. Por isso, temos que estar todas atentas para isso. Enfrentaremos adversários que irão oferecer pouca resistência, mas também teremos times tradicionais pela frente, como Argentina e Peru. A responsabilidade é toda do Brasil. Ninguém tem nada a perder neste Sul-Americano, a não ser o Brasil”, disse a líbero Fabi.

Esta será a 29ª edição do Campeonato Sul-Americano. O último foi realizado em 2009, em Porto Alegre, e o Brasil foi o campeão. A seleção verde e amarela acumula 27 participações e já conquistou a medalha de ouro 16 vezes, além de ter ficado com a de prata em outras 11 ocasiões. O Brasil só não disputou a competição em 1964.

A equipe brasileira viajará para Peru no próximo domingo (25.09). Até lá, o treinador brasileiro precisará definir o grupo de 14 atletas que viajarão. Atualmente, Zé Roberto conta com 15 jogadoras treinando no Aryzão, o Centro de Desenvolvimento do Voleibol, em Saquarema. São elas: as levantadoras Dani Lins e Fabíola; as opostos Sheilla e Tandara; as centrais Fabiana, Thaísa, Adenízia e Juciely; as ponteiras Mari, Paula, Jaqueline, Sassá, Fernanda Garay e Natália; e a líbero Fabi.

Para Zé Roberto o grande atrativo do Sul-Americano é o começo da busca pela classificação para os Jogos Olímpicos. “Não tem melhor motivação do que esta. Temos a obrigação de vencer o Sul-Americano e manter a hegemonia do Brasil no continente. Mais importante ainda é jogar bem para conseguirmos nossa classificação para a Copa do Mundo, onde teremos a primeira chance de garantir vaga em Londres”, avalia Zé Roberto.
 
 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x