Search
Thursday 3 December 2020
  • :
  • :

Seleção infanto masculina fica com a quinta colocação no Mundial

Foto: Divulgação/ FIVB

A seleção brasileira Infantojuvenil masculina de vôlei conquistou a quinta colocação no Campeonato Mundial do México, neste domingo (07.07), ao vencer a Argentina, de virada, por 3 sets a 1, parciais de 15-25, 25-21, 25-19 e 25-23, em 1h44. O resultado superou o conquistado na última edição da competição, em 2011: o nono lugar.

O Brasil começou jogando com o levantador Fernando; o oposto Madaloz; os centrais Nicolas e Douglas Bastos; os ponteiros Fábio e Enrico; além do líbero Rogério. Depois, entraram Douglas Souza, Leonardo, Rodrigo e Jonatan.

O Brasil teve três jogadores entre os destaques da partida. O oposto Madaloz marcou 14 pontos, 12 de ataque, um de bloqueio e um de saque. O ponteiro Douglas Souza fez 13, nove de ataque e quatro de bloqueio. E o também ponteiro Leonardo anotou 12, nove de ataque, dois de bloqueio e um de saque. O principal pontuador da partida foi o argentino Nicolás Lazo, com 25.

A seleção infantojuvenil masculina é seis vezes campeã do Mundial (1989, 1991, 1993, 1995, 2001 e 2003). Na última edição, disputada em Buenos Aires, Argentina, o Brasil acabou na nona colocação.

O jogo

O primeiro set começou com a Argentina melhor, abrindo quatro pontos logo de início (8 a 4). Os argentinos seguiram melhores na partida e ampliaram a vantagem (16 a 11). O Brasil não se encontrou em quadra e acabou derrotado por 25 a 15.

O Brasil começou melhor o segundo set e abriu vantagem sobre a Argentina (8 a 4). Depois da parada, o jogo ficou mais equilibrado, mas ainda com vantagem brasileira (16 a 13). O Brasil confirmou a superioridade no set e fechou em 25 a 21.

Assim como na parcial anterior, o Brasil começou melhor o terceiro set e logo no início abriu quatro pontos (8 a 4). O domínio da partida continuou com os brasileiros, que chegaram à segunda parada técnica vencendo por 16 a 12. Melhor no set, o Brasil fechou em 25 a 19.

O quarto set começou muito equilibrado, com ligeira vantagem para a Argentina (8 a 7). As equipes continuaram alternando pontos até o segundo tempo técnico, com vantagem argentina (16 a 15). O Brasil fechou o set em 25 a 23.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x