Search
Monday 21 September 2020
  • :
  • :

Seleção masculina chega ao Japão

14/11/2011 – Depois de uma primeira parada na França, a seleção brasileira masculina de vôlei já está no Japão. A segunda fase de treinamentos fora do Brasil acontece em Shimizu, um bairro da cidade de Shizuoka, onde a equipe já realizou os dois primeiros treinos nesta segunda-feira (14.11). O intuito, a partir de agora, é adaptar e fazer os últimos ajustes antes da estreia na Copa do Mundo, no próximo domingo (20.11), às 7h20 (de Brasília), contra o Egito, em Kagoshima.
 

"); // -->

“O objetivo inicial é a adaptação quanto à questão fisiológica, para que os jogadores entrem no fuso horário, se sintam à vontade e consigam ter um rendimento físico como se estivessem no Brasil. É muito importante chegar ao Japão com antecedência para que isso aconteça”, disse Bernardinho.

Desde que saiu do Brasil, a seleção fez cinco treinos na cidade francesa de Tours, no ginásio do Tours Volley-Ball, e mais dois já no Japão, onde utiliza o National Training Center Shimizu. Após os sete treinamentos realizados na fase de aclimatação, o técnico da seleção brasileira afirma que está satisfeito.

“Os treinos na França foram muito bons. O ritmo e a intensidade de trabalho foram excelentes. E hoje, para um primeiro dia no Japão, depois de uma viagem longa e com oito horas de fuso horário, é mais do que aceitável que não seja da mesma forma. E, mesmo assim, todos treinaram bem”, afirmou Bernardinho.

Durante a preparação, o treinador tem mexido bastante na formação da equipe e a justificativa está na quantidade de jogos que a seleção terá pela frente: serão 11 partidas em 14 dias.

“Como a Copa do Mundo é uma competição que vai exigir que todo o grupo esteja preparado, é bom que tenhamos todos à disposição. Então, estamos rodando bastante as peças, trabalhando tanto fisicamente, quanto tecnicamente, com um bom volume, mas, ao mesmo tempo, com um cuidado de dosar esse trabalho. Não podemos desgastar muito os jogadores”, explicou Bernardinho.

Ritmo acelerado de jogos

O volume de treinamentos é justificável, já que, após o início do campeonato, não haverá muito tempo para isso.

“Durante a competição vai cair muito o nosso ritmo de treinos, até porque temos muitos jogos às 15h, o que inviabiliza qualquer treinamento. Teremos até sexta-feira pela manhã, oito treinamentos antes do embarque para a cidade sede da nossa primeira fase”, comentou o técnico da seleção brasileira masculina.

A qualidade do trabalho tem agradado tanto a Bernardinho, que ele e a comissão técnica ainda não definiram os 14 jogadores que serão inscritos na Copa do Mundo.

“Viajamos com 15 jogadores e ainda temos dúvidas, inclusive, onde é que vamos reduzir e montar os 14. Todos estão bem fisicamente e isso é muito bom. Ainda vamos avaliar ao longo desta semana. Agora é momento de ajuste final”, concluiu Bernardinho.

Sequência de partidas

Depois do jogo contra o Egito, a seleção brasileira enfrentará os Estados Unidos, no dia 21, às 4h, e a Itália, no dia seguinte, no mesmo horário – ambos ainda pela primeira fase do campeonato, em Kagoshima.

Na segunda etapa, o Brasil seguirá para Kumamoto, onde enfrentará Rússia e China, nos das 24 e 25, ambos às 4h. A terceira fase será em Hamamatsu e os adversários serão Argentina e Cuba, nos dias 27 e 28, às 4h, e Sérvia, no dia 29, às 7h20.

Na última fase, em Tóquio, o Brasil jogará contra o Irã, no dia dois de dezembro, às 0h00, Polônia, no dia três, às 4h, e encerrará a participação na Copa do Mundo de 2011 contra o Japão, no dia quatro de dezembro, às 7h20. Os três primeiros colocados estarão classificados para os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012.
 



Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x