Search
Saturday 28 November 2020
  • :
  • :

Seleção Masculina: Prontos para a Copa do Mundo

03/11/2011 – Faltam cinco dias para o embarque e a seleção brasileira masculina de vôlei está em ritmo final de preparação. A viagem será na próxima terça-feira (08.11) e jogadores e comissão técnica já estão com o foco no Japão, onde será disputada a Copa do Mundo, entre os dias 20 de novembro e quatro de dezembro. A competição classificará os três primeiros colocados para os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012.

E se o ritmo de treinos está acelerado, para o levantador Bruno, ainda mais. O capitão do Brasil na conquista da medalha de ouro no Pan-Americano, no último sábado (29.10), encarou 32h de viagem de Guadalajara até Saquarema, onde fica o Aryzão, o Centro de Desenvolvimento do Voleibol.

 
“Depois de ganhar, tudo fica mais fácil”, brincou Bruno. “E era necessário vir direto. É a última semana de treinos antes da viagem e era importante estar em atividade até para conseguir se recuperar fisicamente e chegar bem no Japão. Sem contar que esse título deu um gás a mais e, com certeza, teve um gosto bem especial”, complementou.

Já sem o título de capitão, que está de volta com o ponteiro Giba, Bruno garante que esse é apenas um detalhe. Segundo o levantador, o fundamental é ter uma equipe unida e bem preparada para a Copa do Mundo.

“O mais importante é a motivação estar lá em cima. Temos que aproveitar muito bem esses últimos dias de treinamento para chegarmos prontos na Copa do Mundo e conseguir essa classificação. Temos um grupo homogêneo 14 jogadores que estão aptos para defender o Brasil sempre”, afirmou Bruno.

Outro campeão em Guadalajara, Gustavo também aposta no conjunto da seleção brasileira. E, além de uma equipe bem estruturada, o jogador acredita que a posição de meio de rede é uma das mais fortes.

“Lucão, Sidão e Rodrigão são os melhores centrais do mundo. São completos, tanto em saque, defesa, ataque e bloqueio. Eu tento aprender com eles nos treinamentos e isso me motiva, dá motivação pra eles e fica bem legal essa disputa”, disse Gustavo, demonstrando total disposição aos 36 anos.

Um campeonato, dois objetivos

O técnico Bernardinho está confiante na conquista do objetivo traçado para a Copa do Mundo: a classificação para os Jogos Olímpicos. Mas o título sempre é uma meta quando se trata de seleção brasileira masculina de vôlei e, dessa vez, não será diferente. Para isso, um detalhe pode fazer a diferença no Japão.

“O campeonato é difícil, cansativo, mas o nosso grupo tem condições de apresentar alternativas para que seja possível uma troca de peças. Isso é muito importante em uma competição onde jogamos 11 partidas em 14 dias”, explicou Bernardinho.

Cauteloso, o treinador destaca que são muitos os adversários com possibilidades de conquistar o título. Mas garante que a preparação é feita para chegar a conquista dos objetivos traçados.

“Eu acredito que são oito equipes brigando por essas três vagas: Brasil, Rússia, Estados Unidos, Polônia, Sérvia, Itália, Cuba e Argentina. Além de outros que entram como franco atiradores. É difícil prever o que vai acontecer, mas estamos trabalhando para conseguir o resultado esperado na Copa do Mundo”, afirmou Bernardinho, que segue com o trabalho forte até o dia de estreia no Japão, no dia 20, contra o Egito.

“Temos, ainda, a partir de hoje, mais 17 dias até a estreia. O objetivo é chegar bem lá. O nosso time está bem, estão todos em boas condições e vamos continuar trabalhando. Estamos com os jogadores que voltaram do Pan e os que estão na Europa, vão estar conosco a partir da semana que vem e teremos em torno de 10 a 12 dias com o grupo todo junto”, concluiu Bernardinho, que ainda não definiu os 14 que serão inscritos no campeonato.
 
 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x