Search
Saturday 31 October 2020
  • :
  • :

Sesi faz obrigação, vence time da Argélia e está na semifinal

Foto: FIVB

O Sesi-SP  confirmou seu favoritismo e venceu o GS Petroliers por 3 a 0 (25-18, 25-12 e 25-16 ) pela terceira rodada do Mundial de Clubes feminino, em Zurique, na Suíça, nesta sexta-feira (09/05) e garantiu sua vaga para as semifinais.

Com a obrigação de vencer, o Sesi iniciou o jogo com uma formação diferente da habitual. A central Bárbara ganhou uma vaga no time titular, deixando Bia no banco. Mesmo entrando bem contra o Volero, Pri Daroit e Mari Casemiro permaneceram no banco de Dayse e Ivna.

Os primeiros pontos foram alternados, com o time do Sesi encontrando dificuldades em parar o ataque argelino. Essa situação permaneceu até o primeiro tempo, quando surpreendente mente, o GSP foi vencendo com dois pontos de vantagem (8-6).

Conseguindo estabilizar seu passe e com bom volume de jogo, as argelinas foram mantendo a partida equilibrada e permanecendo por muitos momentos na frente do placar. 

Ao fazer 13 a 12, o Sesi passou na frente e abriu. A equipe passou a jogar nos erros do GSP e no bom posicionamento de bloqueio, comandado por Fabiana. No segundo tempo, o placar era de 16-13 para o time brasileiro.

Sem encontrar a fragilidade do time argelino imaginada por todos, o Sesi precisou manter a concentração e não cometer erros para ampliar a vantagem e vencer o primeiro set por 25-18.

Já no segundo set, finalmente a fragilidade do time africano entrou em quadra e de cara, o Sesi fez 4 a 0. Mas a tal facilidade não era tão evidente. O que diferenciava o nível entre as equipes eram os erros, porém, em muitos momentos, o Petroliers mostrava não ser um time bobo, especialmente em bolas de xeque e de segunda finalizadas pela levantadora Oukazi. Com boa vantagem, o Sesi foi para o segundo tempo vencendo por 16-9.

Na parte final do set, o Sesi deslanchou. O bloqueio acertou a mão e a vantagem subiu para 13 pontos, fechando a parcial com 25-12 e um total de 9 bloqueios no jogo.

No terceiro set, o GSP saiu na frente, fazendo 4 a 1, mas logo o Sesi empatou em 4 a 4. Após o passeio do segundo set, o Petroliers voltou a equilibrar o jogo e virou o primeiro tempo técnico vencendo por 8-7.

Em parcial muito parecida com a do primeiro, o Sesi precisou novamente se concentrar e acertar o bloqueio para se impor no jogo. Com essa combinação, o time brasileiro voltou a forçar os erros do GSP e abriu 14-10, obrigando o treinador argelino a pedir tempo.

Com Ivna (maior pontuadora do jogo com 14) melhor no ataque do que no duelo contra o Volero, o Sesi rapidamente caminhou para a vitória no jogo. Com tranquilidade no placar, Talmo deu ritmo a algumas atletas, como a levantadora Carol, a oposta Neneca e a ponta Pri Daroit.

Com 25- 16, o Sesi garantiu sua classificação e agora espera o vencedor de Molico Osasco e Dinamo Kazan como adversário na semifinal.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x