Search
Wednesday 21 October 2020
  • :
  • :

Slöetjes brilha, mas Mihajlovic é decisiva e Fenerbahçe vence VakifBank

Crédito: Dvulgação/TVF

Crédito: Dvulgação/TVF

 

O duelo que colocou frente a frente líder e vice-líder da Liga Turca feminina de Vôlei durou 2h15min, cinco sets, e terminou com vitória para o lado da coreana Yeon Kim e da sérvia Brankica Mihajlovic. No sábado, pela 15ª rodada da competição, o Fenerbahçe venceu o VakifBank por 3 a 2, com parciais de 26-24, 25-23, 25-22, 16-25, 17-15, e se manteve na ponta da tabela. Sheilla, do VakifBank, não foi relacionada para o jogo. Apesar da derrota, o destaque da partida na pontuação foi a oposta holandesa Lonneke Slöetjes.

 

A jogadora da saída de rede do VakifBank anotou 31 pontos. Slöetjes obteve dois pontos de saque, um de bloqueio e 28 de ataque, fundamento em que teve aproveitamento de 44%. A ponteira sul-coreana Yeon Kim foi a maior anotadora do Fenerbahçe, com 23 pontos, seguida da oposta Uslupehlivan, com 20.

 

A ponteira sérvia Mihajlovic, apesar de estar no banco de reservas e marcar apenas cinco pontos no jogo, foi decisiva no duelo, assinalando três pontos de ataque para o Fenerbahçe a partir do 13 a 13, no tie break, um deles, inclusive, salvando o match point adversário.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
12 Comentários
o mais novo
mais velho mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Gilson

Amigos e amigas; falar de Sheila é falar de quem foi durante muitos anos a melhor jogadora do mundo. Hoje pode não ser mais. Mas certamente vai ser decisiva na conquista do tri.
sabe tudo, inclusive se poupar.Como diz o samba da portela, è bom respeitar

Mario Teodoro

O ou um dos lados positivos da sheilla nao estar
jogando eh que muito provavelmente chegara a
selecao 100% fisicamente, sem nenhuma contusão.
E tb acredito que muito
motivada para poder jogar o seu maximo.

Bárbara Guerra

Sr. Kurek se humildade ganhasse jogo, a Rússia (masculino), não tinha vencido a última olimpíada e nem a Polônia o último mundial, muito menos teríamos conhecido uma máquina fenomenal de se jogar vôlei na década de 90, a fortíssima seleção cubana feminina, que dispensa apresentações,. quem quer ser campeão precisa de outros adjetivos que aliás não faltam à nossa seleção de vôlei feminino e nem tampouco às nossas adversárias em potencial, garra, competência, experiência, talento, frieza, força física, inteligência, determinação entre outros. Repito humildade não ganha jogo, caso caso contrário, teríamos a Inglaterra como campeã de vôlei feminino na olimpíada… Ler mais »

Kurek

Sra. Barbara Guerra, se você tem problemas de compreensão de texto, eu tentarei lhe explicar de forma mais didática (instrutiva). Eu não falei que para ser campeão a humildade era fundamental, eu apenas falei que a humildade era uma das características da Fabíola, afinal bancar para Dani Lins, tem que se ter muita humildade. Não acho que as cubanas sejam/foram arrogantes e orgulhosas, acho que era apenas uma estratégia de jogo para vencerem seus adversários, afinal até o shampoo quem dava para elas eram as brasileiras, e se você não sabe brasileiras e cubanas, sempre foram amigas, quem causou essa… Ler mais »

Catarina

O Kurek não tem noção de voleibol.
Pra ele Joicinha é jogadora de seleção e Fabiola é melhor que Dani Lins rs

Kurek

Entre Monique, Rosamaria e Tandara: prefiro a Joycinha que ainda ajuda no bloqueio. Já a Fabíola, se tivesse a chance de ser titular nessa seleção, deixaria Pani Lins no banco por muito tempo, pois Fabíola, tem um grande diferencial: humildade, que falta em muitas jogadoras dessa seleção.

Márcio

O Jose Roberto em uma entrevista ao canal Sportv disse que a Sheilla sai como titular na seleção que vai para as olimpíadas, que ela esta treinando forte no Vakifbank e além disso ela é jogadora de decisão e que não senti muita a pressão do jogo, vide as quartas de final das olimpíadas de Londres

Lalo

Esse povo comentando da Sheilla kkkkkkkkkk. A oposta brasileira jogou apenas 2 partidas da CL esse ano, uma ela fez 20 pts (em 3 sets se n me engano) e em outra ela fez 12 pts. Ela tá jogando bem/normal sim, Guidetti não escalou ela para esse jogo, por causa do nº de estrangeiras. Nem Rasic – melhor central do time e da Europa – foi escalada por causa disso. Outro ponto, Guidetti quer dar ritmo de jogos à suas jogadoras, tendo em vista que elas vão disputar a classificação para as Olimpíadas, por isso em todos os jogos –… Ler mais »

Kurek

Se Pani Lins soubesse jogar com bolas altas, Joycinha seria uma de nossas melhores opções como oposta. Pelo menos altura, ela tem.

Anderson

A Joicinha é péssima e levantar bolas altas é a coisa mais fácil. Acontece que a seleção joga com bolas rápidas e por isso mais baixas para evitar o bloqueio advsersário e não dar tempo para a defesa do time adversário se ajustar. Quem não conseguiu se adaptar ao jogo da seleção foi a Joicinha.

Fred

Pois é. Temos que torcer demais para a Tandara chegar voando no Olimpíada, caso contrário, as centrais e as ponteiras terão que se superar para conseguirmos medalha.

Kurek

Se Pani Lins soubesse levantar bolas altas, Joycinha seria junto com Sheilla nossas melhores opções.

Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x