Search
Wednesday 23 September 2020
  • :
  • :

Sollys vira set praticamente perdido, domina Banana Boat/Praia Clube e é líder

Foto: Fabio Rubinato/AGF/Divulgação.

Torcida vibra com Jaqueline, maior pontuadora do duelo, e Ivna, destaque no bloqueio.

A Superliga Feminina 2012/2012 tem um novo líder. Nesta segunda-feira (10/12), pela sexta rodada do turno, o Sollys/Nestlé venceu o Banana Boat/Praia Clube por 3 sets a 0, parciais de 25-22, 25-16 e 25-17, em 1h33. Com o triunfo, a equipe de Osasco passou a somar 15 pontos e assumiu a liderança da competição. Já o time de Uberlândia obteve a segunda derrota seguida e estacionou nos 13 pontos. O time de Minas Gerais se desestabilizou após perder de virada a primeira parcial, que vencia com tranquilidade por 21 a 17. Após uma série de saques de Jaqueline e uma sequência de erros de Herrera e companhia, o Sollys virou e dominou a partida.

Eleita a melhor jogadora da partida, a ponteira Fernanda Garay elogiou a equipe adversária e disse que é normal a pressão de ter que vencer os jogos, por ser o favorito ao título do torneio. “Temos sempre que pensar positivamente. Vamos ter que encarar o favoritismo. O time de Uberlândia tem jogadoras de muito talento. Sabíamos que ia ser difícil, nos preparamos bem para o jogo. A Herrera é um pilar do time delas e a gente se preparou pra parar ela. Graças a Deus conseguimos. A equipe jogou bem, deu o melhor”, comemorou Garay.

A maior pontuadora do duelo, no entanto, foi Jaqueline, que soube decidir no momento chave da partida – o final do primeiro set. Jaque marcou 14 pontos no total (nove só no primeiro set), sendo 11 em ataques (com 365 de eficiência), um em bloqueio e dois em aces. O trio Garay, Ivna e Thaísa veio na sequência com 12 acertos cada, com destaque para os quatro bloqueios da oposto. Camila Brait também fez uma excelente partida, garantindo 77% de perfeição nas defesas e segura na recepção durante todo o jogo.

“Graças a Deus o grupo está tomando consciência que estamos em dificuldades com os desfalques”, afirmou Jaqueline. “Estamos ganhando mais ritmo de jogo. Mas até o final do ano vamos estar com o time completo. A Sheilla já está voltando, a Adenízia também. Daqui a pouco todo mundo vai estar bem para ajudar a equipe”.

Foto: Fabio Rubinato/AGF/Divulgação

Foto: Fabio Rubinato/AGF/Divulgação

Pelo Praia Clube, mesmo longe de sua melhor apresentação, a cubana Herrera foi disparada a maior anotadora da equipe com 13 pontos, todos em ataques, com 35% de eficiência. Angélica e Michelle Pavão marcaram seis vezes cada.

O jogo

O primeiro set começou equilibrado. O Sollys/Nestlé fez o primeiro ponto da partida, mas o Banana Boat/Praia Clube chegou à primeira parada vencendo por 8 a 5. Com boa combinação saque e bloqueio, o time mineiro abriu quatro pontos de diferença (16 a 12). Numa sequência boa de saques de Jaqueline, o time de Osasco virou o placar e fechou o set em 25 a 22.

Contando com três erros de ataque do Banana Boat/Praia Clube, o Sollys/Nestlé abriu o placar no início do segundo set (4 a 0). A larga vantagem seguiu até à segunda parada técnica (16 a 9). Sem dar chances ao time de Uberlândia, as paulistas fecharam o set em 25 a 16.

Muito confiante com a boa vitória na parcial anterior, o Sollys/Nestlé chegou à primeira parada técnica vencendo por 8 a 6. O Banana Boat/Praia Clube voltou a errar bastante e a diferença no placar aumentou (16/10). Com bom volume de jogo, o time de Osasco fechou o set sem dificuldades em 25/17.

Na próxima rodada, o Sollys/Nestlé terá pela frente o rival paulista, Sesi-SP. A partida acontecerá na sexta-feira, às 21h, no ginásio José Liberatti. O Banana Boat/Praia Clube também terá um clássico pela frente. No sábado, em Uberlândia, o duelo será contra o Usiminas/Minas, às 14h30.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x