Search
Saturday 7 December 2019
  • :
  • :

Superliga: Osasco-Audax encara primeiro desafio fora de casa

Equipe paulista é uma das invictas na competição. (Foto: João Pires/Fotojump)

O Vôlei Osasco-Audax vai em busca de sua primeira vitória fora de casa, a terceira consecutiva na Superliga 2019/20. Após dois resultados positivos no José Liberatti, o invicto time comandado pelo técnico Luizomar enfrenta o Curitiba Vôlei nesta terça-feira (19), às 20h, no ginásio da Universidade Positivo, na capital paranaense. O Canal Vôlei Brasil transmite a partida na internet. Todos os detalhes dos jogos e bastidores podem ser conferidos no canal oficial do clube, a Osasco Vôlei TV (https://osascovoleitv.tvnsports.com.br/).

Quarto colocado na classificação geral e na lista dos cinco times que seguem invictos na Superliga após duas rodadas, o Vôlei Osasco vai enfrentar um adversário que ainda não ganhou na temporada 19/20 do campeonato nacional. O Curitiba Vôlei tem duas derrotas e ocupa o décimo lugar na tabela. Apesar da disparidade de desempenho, jogadoras e comissão técnica osasquense pregam respeito ao adversário desta terça-feira. “A competição é equilibrada e não tem jogo fácil. Quem pode deixar tudo mais tranquilo dentro de quadra somos nós, jogando bem técnica e taticamente e diminuindo o número de erros”, explica a central Bia.

Bia tem sido um dos destaques individuais de Osasco. Ganhou o troféu VivaVôlei na vitória de virada sobre o Pinheiros, por 3 sets a 1, na sexta-feira (16) e figura na seleção da Superliga. A ponteira Jaque – eleita melhor em quadra na vitória sobre São Caetano, na estreia da temporada 19/20 da competição nacional – aparece ao lado de Bia na lista das melhores elaborada pela Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), o chamado Time do Sonho, segundo as estatísticas oficiais. A oposta Casanova está na lista B.

No desempenho individual por fundamento, a central Mara figura em segundo lugar entre as atacantes mais eficientes, com 66% de aproveitamento. Bia também está nesta lista, na quinta colocação, com 61%. No quesito recepção, Camila Brait é a quinta melhor, com 72% de passes efetivos. A cubana Casanova é a quarta maior pontuadora, com 32 acertos, enquanto Roberta está em quinto entre as sacadoras, com aproveitamento de 0,6 ponto por set.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »