Search
Monday 30 November 2020
  • :
  • :

Técnico da Rússia, Marichev não consegue tirar o Brasil da cabeça

Foto: FIVB

Muitos falam que vingança é um sentimento muito ruim e que muitas vezes acaba deixando as pessoas “cegas” em relação à outros fatos. E parece ser bem isso que se vê na equipe da Rússia que disputa a Copa dos Campeões.

Apesar do torneio contar com seis equipes, parece que para a seleção russa há apenas dois times: eles e o Brasil. Na chega a Tóquio, para a última parte do torneio, o técnico Yuri Marichev não conseguiu falar sobre o próximo adversário, os Estados Unidos, sem citar o Brasil.

Com uma vitória e uma derrota, o jogo diante das americanas é fundamental para as chances russas de ser campeão. E ao analisar o time americano, o técnico deixou escapar no finalzinho de seu discurso o nome do Brasil.

“Comparado com o Grand Prix Mundial, Os EUA Acrescentaram Larson em sua composição, que é bem conhecido por nós, por jogar no Dinamo Kazan. Assim, o jogo de equipe dos EUA mudou e tem uma fraqueza. O principal é nós não cometermos erros e, em seguida, aproveitar as chances. O nível dentro do jogo é algo que nossa equipe não consegue manter. E estamos ansiosos para os jogos em Tóquio, não só com os EUA, mas com o Brasil, que nós também temos algo a provar .”

Brasil e Rússia se enfrentam apenas no sábado, às 5h10 da manhã, mas, pelo que vimos, já anda pesando na cabeça das russas.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x