Search
Wednesday 21 October 2020
  • :
  • :

Tudo pronto para a festa do vôlei nas areias holandesas

Crédito: Divulgação/FIVB

Crédito: Divulgação/FIVB

 

O décimo Campeonato Mundial de Vôlei de Praia começa nesta sexta-feira, em Haia, na Holanda, mas não ficará só na sede administrativa do país. Pela primeira vez, uma edição do torneio não terá sede única, espalhará seus 192 jogadores – 96 duplas, 48 masculinas, 48 femininas – por quatro cidades.

 

Roterdã, Amsterdã e Apeldoorn, além de Haia, hospedarão as partidas do torneio. Cada uma das quatro cidades receberá jogos de três grupos do torneio masculino e três do feminino, além de jogos da segunda fase, das oitavas e das quartas de final. Somente Haia receberá, além dessas fases, os jogos semifinais e finais.

 

O regulamento do torneio é igual para ambos os sexos. Na primeira fase, quatro duplas compõem cada uma das 12 chaves. Diferentemente dos torneios do circuito mundial, quando as duplas campeãs das chaves avançam diretamente às oitavas, e as segundas e terceiras disputam a repescagem, no campeonato mundial os dois primeiros colocados de cada grupo mais os oito melhores terceiros colocados disputam o primeiro mata-mata na segunda fase – também chamada de dezesseis avos de final – e assim seguirão, em jogos eliminatórios, até a final, no dia 4 de julho para as mulheres e 5 de julho para os homens.

 

Outra diferença em relação aos demais torneios promovidos pela FIVB, quando há dias em que as duplas podem entrar em quadra até três vezes, o único dia em que as duplas disputarão mais de uma partida será no dia 2 de julho, quando os 16 sobreviventes da segunda fase jogarão as oitavas de final à tarde e os oito vencedores voltarão à areia para as quartas de final, à noite.

 

O Brasil tem seis duplas inscritas no torneio masculino e seis no feminino, sendo que, quatro participam da fase de grupos e duas aparecem como reservas.

 

Na versão masculina da competição, o time de Alison, campeão mundial em 2011 e medalhista de prata em Londres, e Bruno Schmidt está no grupo C, Ricardo e Emanuel reeditam a dupla campeã mundial de 2003 e olímpica de 2004 no grupo G, Álvaro e Vítor Felipe, os representantes do país no Pan de Toronto, estão no grupo K, enquanto Evandro e Pedro Solberg, campeões da etapa de Stavanger do circuito mundial, estão no grupo L. Hevaldo e Bruno de Paula são reservas, assim como Allison e Guto. Há mais um brasileiro na disputa, Jefferson Santos, mas como representante do Qatar, em dupla com Cherif Younousse.

 

Na chave principal feminina, três duplas brasileiras campeãs de etapas do circuito mundial deste ano. Larissa/Talita, que venceu em Moscou e Porec, está no grupo B; Ágatha/Bárbara Seixas, campeã em Praga e São Petersburgo, na chave F; e Juliana e Maria Elisa, campeãs em Stavanger, grupo G. Taiana e Fernanda Berti, medalhistas de bronze no último fim de semana, em S. Petersburgo, encabeçam o grupo I. As duplas reservas são Carol/Maria Clara e Josi/Elize Maia.

 

O campeonato começa com uma rodada dupla, em Haia, na sexta-feira, 26. Às 14h40, horário de Brasília, as holandesas Meppelink e Van Iersel enfrentam as cazaques Mashkova e Tsimbalova. Às 15h30, Nummerdor e Varenhorst fazem as honras da casa contra Tato e Pepe, de El Salvador.

 

Para ver os grupos do campeonato mundial, com as datas e horários das partidas das duplas brasileiras, clique:

 

FEMININO – MASCULINO.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x