Search
Tuesday 29 September 2020
  • :
  • :

Unilever conta com Natália para lutar por oitavo título da Superliga

Foto: Daniel Ramalho/adorofoto

Em processo crescente de recuperação para jogar uma sequência de jogos em alto nível, como nos velhos tempos, a ponteira Natália é uma das jogadoras da Unilever mais empolgadas com a proximidade da Superliga 2012/13. A campeã olímpica em Londres/2012, afastada um ano e meio do time devido a duas cirurgias na canela esquerda, está liberada para executar todas as funções em quadra. É, portanto, uma das esperanças da equipe de Bernardinho na briga pelo oitavo título da competição. A estreia da Unilever será em casa, contra o São Caetano, no dia 23 de novembro, às 19h30. O ginásio do Tijuca Tênis Clube, na zona norte do Rio de janeiro, será palco dessa partida. 
 

“Nosso time mudou bastante da temporada passada para cá. Particularmente estou gostando muito da oportunidade de treinar com duas jogadoras estrangeiras (a americana Logan Tom e a canadense Sarah Pavan). É uma experiência diferente”, diz. “Apesar de ter jogado o Estadual, não nego que estou ansiosa para estrear pela Unilever na Superliga, coisa que esperei tanto”. Apesar de ter sido contratada para a temporada 2011/12, a atacante não pode atuar pelo time carioca em função de sua recuperação após as cirurgias. 
 

Quanto à disputa, Natália sabe que será um campeonato acirrado. “A Unilever sempre forma equipes competitivas e, mais uma vez, aparece entre as favoritas. Mas teremos adversários dificílimos”, comenta. “O Osasco, atual campeão, que conta com a base da seleção brasileira, o Sesi e o time de Campinas, a nova força do vôlei, são os principais deles”.


Novo ciclo

 

A líbero Fabi, bicampeã olímpica em Pequim/2008 e Londres/2012, também vive a expectativa de mais uma Superliga, a oitava consecutiva pela Unilever. “Sempre depois de uma grande conquista, como o bicampeonato olímpico, todo mundo fica de olho nessa competição. Tomara que a gente possa proporcionar momentos inesquecíveis ao público”, afirma. 
 

Para o técnico Bernardinho, o campeonato estadual, encerrado no domingo (07/10) e vencido pela décima vez pela Unilever, foi importante para colocar as jogadoras em ação e apresentar o time à torcida carioca. “Estamos iniciando um trabalho, construindo uma nova equipe. Além da Natália, em processo de recuperação, temos duas jogadoras estrangeiras no grupo, mais a Fofão, que optou por não atuar na temporada passada”, analisa. “O importante no momento é buscar o entrosamento e fazer com que todas as peças se encaixem nesse novo trabalho”. 

 



Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x