Search
Friday 30 October 2020
  • :
  • :

Unilever vence Botafogo e faz final contra Fluminense no Carioca de Vôlei

Foto: Daniel Ramalho/adorofoto

Em seu primeiro jogo na temporada 2012/13, a Unilever venceu o Botafogo por 3 a 0, parciais de 25-11, 25-10, 25-17, em partida válida pela semifinal do Campeonato Estadual, com duração de 1h06. Acompanhada por quase 1.000 pessoas, o confronto foi realizado no final da tarde desta sexta-feira (05/10), no ginásio do adversário, em General Severiano, na zona sul do Rio de Janeiro. Domingo (07/10), às 18 horas, no ginásio da Tijuca, na zona norte da cidade, a Unilever decide o título contra o Fluminense que derrotou o Volta Redonda também por 3 a 0, parciais de 25-18, 25-10 e 25-15. A final será transmitida pelo Canal Sportv.
 

A Unilever, que busca seu décimo título carioca – o nono consecutivo – treinou completa apenas quatro dias para enfrentar o Botafogo. Mesmo assim, cumpriu bem a orientação de Bernardinho. “Elas conseguiram estar à vontade na quadra, quebrando o gelo da estreia”, disse ele, que é torcedor do Botafogo. “Lamento apenas ter de enfrentar o meu time do coração”, brincou.
 

A Unilever iniciou a partida com a levantadora Fofão, as ponteiras Gabi e Régis, as centrais Juciely e Valeskinha, a oposto Sarah Pavan e a líbero Fabi. As demais jogadoras – Natália, Amanda, Mara, Roberta e Bruna – entraram a partir do segundo set. Afastada por conta de duas cirurgias na canela desde a última temporada, a ponteira Natália, da seleção brasileira, campeã olímpica em Londres, finalmente estreou com a camisa da Unilever.

 

O Botafogo jogou com a levantadora Patrícia, as ponteiras Renata e Bruna, a oposto Thaís, as centrais Paula e Arlete e a libero Luma. Entraram Raquel, Lívia, Carol e Angélica. A equipe foi comandada por Ana Richa, uma das levantadoras da seleção brasileira na década de 80.


Natália desencanta (Veja alguns lances da estreia de Natália)

Há um ano e meio sem jogar pela Unilever, Natália se soltou em quadra. O 19º ponto do segundo set foi o primeiro da jogadora vestindo a camisa da equipe carioca. “Fiquei muito emocionada com o apoio da torcida. E logo avisei ao preparador Fiapo que se eu chorasse não seria de dor”, afirmou.

Gabi, que confessou estar recebendo boas dicas da também ponteira Logan Tom nos treinamentos, admitiu também ter ficado emocionada. O motivo é outro: estar jogando com a levantadora Fofão. “Só faltou eu pedir para me beliscarem para ter certeza de que estava atuando do lado dela, uma das melhores da posição de todos os tempos”, disparou.

Final masculina
 
 
A final masculina do Campeonato Carioca acontece no domingo, às 12h30, também no Ginásio do Tijuca Tênis Clube, com transmissão do Sportv. A decisão será entre o vencedor de RJX e Botafogo e de Volta Redonda e CIB, partidas programadas para este sábado (6/10), a partir das 16 horas, no ginásio do Botafogo.
 



Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x