Search
Thursday 29 October 2020
  • :
  • :

Vaga africana para o Rio fica com o Egito

Crédito: CABV Press/Twitter

Crédito: CABV Press/Twitter

Concretizada a alternância de representatividade no voleibol masculino africano. Desde 1996, Egito e Tunísia se revezam como o representante do continente no torneio masculino olímpico de Vôlei. Se em Atlanta-1996, Atenas-2004 e Londres-2012 foi a Tunísia, e em Sydney-2000 e Pequim-2008, o Egito, a matemática determinava que o país das pirâmides voltasse à cena no Rio-2016. E assim se fez.

 

Na decisão do Pré-olímpico masculino Africano, em Brazzaville, no Congo, o Egito venceu a Tunísia por 3 sets a 2, com parciais de 25-19, 20-25, 25-18, 19-25, 16-14.

 

O Egito tem três participações olímpicas no vôlei masculino, mas esta a quinta qualificação do país. Para que a conta feche, é necessário dizer que, além de 2000 e 2008, o Egito também disputou as Olimpíadas de Los Angeles-1984. A outra participação egípcia poderia ter sido em Montreal-1976, mas o país aderiu a um boicote do bloco africano de nações, que exigia o banimento da Nova Zelândia daqueles Jogos e não foi atendido.

 

O terceiro lugar do pré-olímpico ficou com a Argélia, que venceu Camarões por 3 a 2 (18-25, 26-24, 25-13 18-25, 15-13). Argélia e Tunísia disputarão uma vaga nas olimpíadas juntamente com Chile e México.

 

O pré-olímpico feminino será disputado em fevereiro, em Camarões.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x