Search
Friday 30 October 2020
  • :
  • :

Vasileva vai bem, mas não impede vitória da Unilever sobre o Amil

Fotos: Alexandre Arruda/CBV

Na partida que reuniu dois dos técnicos mais vitoriosos do voleibol mundial e seis campeãs olímpicas, melhor para a Unilever (RJ). Nesta terça-feira (27.11), a equipe do Rio de Janeiro (RJ), comandada pelo treinador Bernardinho, superou o Vôlei Amil (SP), do técnico Zé Roberto, por 3 sets a 1, parciais de 25-23, 25-21, 20-25 e 25-15, em 2h01 de jogo, na Arena Amil, em Campinas (SP).
 

Amil Vôlei e Unilever voltarão à quadra na próxima sexta-feira (30.11). O time campineiro enfrentará o Rio do Sul (SC), às 20h15, no ginásio Artenir Werner, em Rio do Sul (SC). Já a equipe carioca jogará com o Pinheiros (SP), às 20h, no ginásio Henrique Villaboim, em São Paulo (SP).
 

A ponteira Natália, da Unilever, foi eleita a melhor jogadora em quadra e levou para casa o troféu VivaVôlei. Mesmo com a derrota, o Vôlei Amil teve a maior pontuadora da partida, a ponteira búlgara Vasileva, com 18 acertos.

Confira galeria de fotos do confronto
 

O treinador Bernardinho destacou a importância da ponteira Natália, não só para a vitória de hoje, mas para o projeto da Unilever. “Foi um bom jogo. Sabemos que o Vôlei Amil pode jogar melhor. Hoje, elas cometeram muitos erros de saque. Nosso passe também funcionou e a atuação da Natália foi muito importante. Ela tem uma importância muito grande para o nosso projeto. Ano passado não contamos com ela, mas sabemos que a Natália é fundamental para o nosso grupo”, disse Bernardinho.

 

Pelo lado do Vôlei Amil, o técnico Zé Roberto lamentou o grande número de erros de saque da equipe campineira, mas fez questão de parabenizar o time da Unilever pela vitória. “Nossa equipe cometeu muitos erros de saque. Encostávamos no marcador e cometíamos o erro de saque. A Unilever mereceu a vitória. A Fofão distribuiu o jogo com simplicidade e a Natália teve uma grande atuação. No entanto, tivemos alguns bons momentos durante o jogo e podemos contar com a Vasileva”, analisou.
 


O jogo

 

O jogo começou equilibrado. Com três pontos seguidos de bloqueio da central Juciely, a Unilever abriu quatro (9/5). O Vôlei Amil encostou no placar depois de um ace da levantadora Fernandinha (12/9). O bloqueio da equipe campineira passou a incomodar o time carioca e a diferença caiu para um (18/17). A Unilever segurou a vantagem no final da parcial e fechou o primeiro set por 25/23.

O Vôlei Amil veio para o segundo set com uma novidade. Saiu Jú Nogueira e entrou a búlgara Vasileva. O saque da Unilever dificultava a recepção da equipe da casa e o time carioca abriu três (8/5). No segundo tempo técnico, a Unilever tinha quatro de vantagem (16/12). A equipe carioca, comandada pelo técnico Bernardinho, seguiu melhor e fechou o segundo set por 25/21.

O terceiro set foi marcado pelo equilíbrio. No segundo tempo técnico, a vantagem da Unilever era de dois (16/14). Assim como no primeiro set, a levantadora Fernandinha conseguiu um ace, e o Vôlei Amil virou o placar (18/17). O set ficou disputado ponto a ponto. No final brilhou a estrela da ponteira Vasileva que fez os dois últimos pontos do set e selou a vitória da equipe da casa na parcial por 25/20.

 

O quarto set começou equilibrado. A oposto Sarah Pavan cresceu no meio da parcial, e a equipe carioca abriu quatro (16/12). A partir daí, a Unilever dominou a partida e não deu mais chances para as donas da casa fechando o set por 25/15 e o jogo por 3 sets a 1.
 

Vôlei Amil – Fernandinha, Ramirez, Pri Daroit, Jú Nogueira, Walewska e Natasha. Líbero – Suellen. Entraram – Vasileva e Priscila Heldes. Técnico – José Roberto Guimarães
 

Unilever – Fofão, Sarah Pavan, Logan Tom, Natália, Juciely e Valeskinha. Líbero – Fabi. Entraram – Bruna e Roberta. Técnico – Bernardinho




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x