Search
Saturday 19 September 2020
  • :
  • :

Vivo/Minas atropela RJX e força terceiro jogo

Foto: Skylo

Não foi neste sábado (30/03) que conhecemos o adversário do Sada Cruzeiro na final da Superliga. Jogando um voleibol agressivo, o time do Vivo/Minas, atuando na Arena Vivo, em Belo Horizonte, derrotou por 3 a 0, parciais de 25-21, 27-25 e 25-20, o RJX, assegurando a realização do terceiro jogo da semifinal.

A grande surpresa antes do início do jogo foi Marcelinho, que, devido a um problema de joelho, não treinou a semana inteira, e mesmo sem estar 100% fisicamente, foi para o duelo no sacrifício.

O primeiro set foi marcado por dois momentos distintos. O primeiro, logo no começo foi recheado de polêmicas e reclamações. Primeiro o Minas reclamou de um toque na rede de Lucão em um bloqueio. Em seguida, foi a vez do RJX reclamar de uma bola de Théo, que teria tocado no chão e o juiz entendeu que houve defesa do líbero Lukinha. Para encerrar, o técnico Marcelo Fronckowiak  teve um pedido de tempo negado. O treinado alegou que a campainha não tocou e a arbitragem, alegando retardamento, advertiu o treinador.

A segunda parte foi marcada pelo grande jogo dos mineiros. Agressivo, o time da casa foi eficiente, enquanto o RJX cometeu diversos erros (11-6), em especial no saque, o que permitiu abertura de vantagem e vitória do Minas por 25-21.

O segundo set foi equilibrado em seu princípio, tanto que o destaque ficou por conta do pedido fora do comum da torcida para ligar o ar condicionado do ginásio. Em quadra, a partida se estendeu equilibrada até a parcial 20-18 para o RJX, que acabou desandando e viu o placar virar para 23-21. Quando parecia que fecharia o jogo, Lucão acertou um belo saque com set point para o Minas, forçando Lucarelli a salvar a bola com o pé, mas que terminou com ponto carioca, empatando em 24-24. Em seguida, após um bom saque de Filip, Quiroga teve a chance de fechar e atacou no corredor para fora. Na terceira chance de fechar, o time da casa contou com um ataque fora de Paulo Vitor para fazer 27-25.

No terceiro set, o Minas esteve a frente desde o início. Abriu quatro pontos quando atingiu 10, e que foi reduzida para três quando chegou a 16 pontos. Após o tempo técnico, Quiroga desabou na quadra sentindo dores na perna esquerda, paralisando a partida e sendo substituído por Samuel. Administrando a vantagem durante todo o resto do set, o time da casa fechou o set em 25-20 e o jogo em 3 a 0.

Lucarelli recebeu o VivaVôlei e também foi o maior pontuador com 15 acertos. Pelo RJX, Apenas Théo chegou aos dois dígitos, marcando 10 pontos.

Após a vitória que leva a decisão para o terceiro jogo, o técnico do RJX, Marcelo Fronckowiak comentou o resultado. “Fomos dominados, acho que o Minas foi merecedor por tudo que apresentou e nós não jogamos no padrão que a gente mostrou na Superliga”, disse Fronckwiak que rechaçou o fato da má partida estar ligada ao péssimo desempenho de um ou outro jogador. “Os jogadores tem jogado bem a partir de um belo trabalho coletivo. Nós não fomos bem em nenhum fundamento hoje. Agora creditar tudo que estamos fazendo a um único jogador é muito pouco”.

Marcelinho, levantador do Minas, falou sobre a sua situação de ter jogado no sacrifício. “Joguei no sacrifício. Não toquei na bola desde o sábado passado. Tive um derrame grande no joelho e preocupou um pouco, mas eu acho que nessa fase vale esse sacrifício”, disse o jogador que completou analisando a partida. “Foi surpreendente esse resultado de 3 a 0, mas hoje jogamos como equipe, independente dos nomes, e no voleibol vence quem joga como equipe”.

Bruninho, classificou a atuação do time como apática e se auto-criticou “Não tem como explicar, a equipe deles tem os méritos, mas nós fomos muito apáticos e  boto em mim uma parcela de culpa grande, pois a estratégia de jogo não funcionou e fez a gente se perder um pouco”, disse o levantador.

Agora RJX e Vivo/Minas decidem a vaga para a final na próxima sexta-feira, às 21 horas no Maracanãzinho. Quem vencer enfrentará o Sada Cruzeiro na final da competição.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x