Search
Monday 28 September 2020
  • :
  • :

Vivo/Minas bate UFJF em Juiz de Fora

Foto: Havar/Divulgação

 

Em disputa direta pela segunda colocação do Campeonato Mineiro de Vôlei, a Vivo/Minas venceu a UFJF, fora de casa, nesta sexta-feira, 31. Mesmo com a pressão da torcida juizforana, que lotou o ginásio, os minastenistas venceram o duelo por 3 sets a 1, parciais de 16-25, 20-25, 25-21 e 23-25. Com o triunfo, a equipe de Horácio Dileo chega aos 15 pontos e confirma a vice-liderança no estadual. 
 

A primeira etapa começou com a Vivo/Minas disposta a garantir a segunda colocação do Mineiro. Impondo ritmo de jogo e contando com boa atuação do central Maurício no bloqueio,  os minastenistas foram abrindo vantagem logo no inicio do período. Maurício Bara, treinador da equipe da casa, estava incomodado com os erros de sua equipe para acertar sua equipe, mas a UFJF não se encontrava e, com isso, os visitantes abriram o marcador.
 

Insatisfeitos com o desempenho no set anterior, a UFJF voltou melhor e equilibrou o confronto. Os visitantes mantinham o bom ritmo de jogo e as equipes fizeram um período disputado ponto a ponto. O que fez a diferença na etapa foi a dinâmica dada por Marcelinho, levantador minastenista, e os bons ataques do central Henrique. Com isso, a Vivo/Minas ampliou para 2 sets a 0.
 

Mesmo atrás do marcador, os donos da casa continuavam tentando apresentar um bom voleibol perante sua torcida. Com uma defesa mais equilibrada e o levantador Danilo Gelinski conseguindo trabalhar as jogadas, a UFJF assumiu o controle do jogo e passou a ditar o ritmo da partida. Com atuação destacada do ponteiro Clinty, os donos da casa conseguiram assumir a liderança da etapa e levaram a disputa para o quarto set.
 

Embalados com a vitória na etapa anterior, os donos da casa continuaram com o bom ritmo imprimido e ditando o ritmo do confronto, chegando a abrir seis pontos de vantagem. Porém, a equipe minastenista mostrou poder de reação: com Maurício se destacando no saque, o que dificultava a dinâmica de jogo da UFJF, os visitantes aproveitavam os contra ataques, principalmente com Lucarelli, e conseguiram a virada. Sendo assim, a Vivo/Minas conseguiu fechar partida.
 

Para Maurício Bara, treinador da UFJF, sua equipe não soube segurar a vantagem aberta no último set e isso foi determinante para a derrota. “Começamos mal, mas melhoramos a partir do segundo set. Tivemos oportunidade de levar a disputa para o tie break, mas, quando eles acertaram o bloqueio, não tivemos capacidade de superar isso. Isso fez a diferença”, lamentou o treinador.


 

O levantador juizforano, Danilo Gelinski, acredita que a irregularidade da equipe não permitiu a vitória da equipe. “Começamos errando muito no começo do jogo. Nos acertamos ao longo da partida, mas voltamos a errar no último set. Isso foi decisivo. Para as próximas partidas, precisamos encontrar uma regularidade e evitar esse tipo de falha,” alertou Gelinski.
 

Horácio Dileo, treinador minastenistas, vê sua equipe no caminho certo. “Jogamos como é certo uma equipe como a Vivo/Minas jogar. Perdemos a concentração durante os dois últimos sets, mas fomos profissionais para reverter a situação e conquistar a vitória. Isso é importante para nossa preparação” disse o comandante minastenista.
 

O jovem ponteiro minastenista, Lucarelli, acredita que o espírito de sua equipe foi fundamental para o triunfo. “Começamos bem e caímos de rendimento no terceiro set. Apesar disso, tivemos tranquilidade para reagir na etapa final e fechar o jogo antes do tie break. A vitória fora de casa foi muito importante para a equipe”, afirmou o atleta.

O Campeonato Mineiro de Vôlei terá dois jogos neste sábado, 25. Um acontece em Uberlândia, onde a Faculdade Politécnica/UTC recebe o Sada/Cruzeiro, às 17h. E, em Belo Horizonte, o Olympico Club enfrenta ao UFJF, às 18h.
 

Vivo/Minas: Samuel, Lucas Lóh, Filip, Maurício, Henrique, Evandro e o líbero Victor.
Olympico Club: Maurício, Leonardo, Daivison, Guilherme Panta, Matheus, Roger e o líbero Rafael. Entraram: Rodrigo e Hudson.
 

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x