Search
Monday 28 September 2020
  • :
  • :

Vivo/Minas vence UFJF e está na final do Mineiro

Foto: Havar/Divulgação

A Vivo/Minas é a primeira finalista do Campeonato Mineiro de Vôlei 2012. Vencendo a Universidade Federal de Juiz de Fora por 3 sets a 2, com parciais de 25-17, 25-12, 13-25, 21-25 e 15-11, os minastenistas garantiram a vaga para a grande final. A partida aconteceu na manhã deste sábado, 15, na Arena Vivo.
 

O primeiro set começou equilibrado, com as equipes se alternando constantemente no placar. A Vivo/Minas cometia muitos erros, principalmente de saque, e os juizforanos se aproveitavam para buscar a vantagem. Porém, após a segunda parada técnica, a situação mudou: a UFJF passou a falhar em diversos fundamentos e permitiu que, em uma longa sequência de saques de Marcelinho, os minastenistas fechassem a etapa.
 

Para o segundo set, os juizforanos voltaram irreconhecíveis. Cometendo vários erros e nervosos em quadra, os visitantes permitiram que os donos da casa abrissem larga vantagem. Pontuando praticamente apenas em contra-ataques, a UFJF esteve em desvantagem do inicio ao fim da etapa e assistiu a Vivo/Minas abrir 2 a 0 na partida.
 

Porém, o time de Juiz de Fora ainda buscava a vaga na final e voltou com uma postura completamente diferente para o terceiro set. Com muito mais vibração de seus atletas, os visitantes ditaram o ritmo do jogo e encontraram bom volume para se manter à frente no placar. A Vivo/Minas esbarrava em seus erros e não conseguia parar o bom momento vivido pelo o adversário. Com ótima atuação do Filipe Cipriani, a UFJF diminuiu a vantagem minastenista.
 

No quarto set, o jogo voltou a ser equilibrado. A Vivo/Minas contava com uma boa linha de passe, o que facilitava a distribuição do levantador Marcelinho. Já os juizforanos tinham um bom volume ofensivo, liderados pelo ponta Juninho. Com a etapa disputada, a partida ganhou emoção e as equipes se alternavam no placar. A UFJF, contando com bom saque de Luan, conseguiu empatar e levar o confronto para o tié-break.
 

O ultimo e decisivo set teve um bom começo dos donos da casa. Encaixando bons bloqueios, principalmente do central Henrique, e ótimos contra-ataques com Michel, os minastenistas abriram vantagem. A UFJF ainda buscou o resultado, se valendo do bom momento de Juninho, mas não foi o suficiente. Empurrada por sua torcida, a Vivo/Minas conseguiu abrir vantagem e fechar a partida, garantindo vaga para a decisão do Estadual.
 

Para Horácio Dileo, treinador da Vivo/Minas, o desgaste físico é um adversário do time. “Agora temos que descansar e recuperar a equipe para a final. Essa caída que experimentamos no terceiro set é produto desse cansaço, muitos jogadores machucados, alguns fora de forma. Precisamos nos preparar para estar todo mundo bem na final”, disse o argentino.
 

O central minastenista, Henrique, lembrou  retrospecto do Vivo/Minas contra a UFJF e pediu mais estabilidade à equipe. “Em todos os jogos contra a equipe deles aconteceu a mesma coisa, a gente começa bem, caí um pouco de rendimento e, algumas vezes, conseguimos reverter. Acho que precisamos trabalhar isso, precisamos de mais regularidade. Agora vamos acompanhar o jogo de amanhã e vamos para a final com a melhor expectativa possível, pois está na hora do Mineiro vir para o Minas de novo”, comentou o central.
 

Mauricio Bara, comandante da UFJF, lamentou a eliminação, mas exaltou a força de sua recém formada equipe. “Tivemos um mérito muito grande de conseguir reverter o placar numa partida contra uma equipe como o Minas. Saímos da competição de cabeça erguida, vamos trabalhar para conquistar a evolução natural da equipe, em amistosos e treinamentos, até chegar à Superliga. Fica o gosto triste de não conseguir fazer uma final inédita, mas saímos satisfeitos com esse 3 a 2”, declarou Mauricio Bara.
 

O líbero Fabio Paes, camisa 8 da UFJF, falou sobre a força do seu grupo. “Treinamos muito e fizemos por merecer estar aqui. Acho que não vencemos nos detalhes, mas ainda temos muito a oferecer. Nosso grupo é novo e, aos poucos, estamos nos entrosando bem e isso é fundamental. Temos que entrar com a cabeça no lugar, sabendo que temos muito a oferecer, muito para jogar e muito a aprender também”, finalizou o líbero.

 

Próximos jogos

Neste domingo, 16, será conhecido o adversário da Vivo/Minas na grande final do Campeonato Mineiro de Vôlei 2012. O Sada/Cruzeiro recebe a Faculdade PolitécnicaUTC, às 9h, no Ginásio do Riacho, em Contagem. O jogo terá transmissão da TV Alterosa e Portal Uai, com exclusividade.

Vivo/Minas:  Marcelinho, Lucarelli, Henrique, Quiroga, Otávio, Michel e o líbero Victor. Entraram: Samuel, Lucas Lóh e Evandro. 

UFJF: Wanderson, Danilo Gelinski, Robinho, Aureliano, Japa, Clinty e o líbero Fábio Paes. Entraram: Filipe Cipriani, Hugo, Luan e Juninho.

 

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x