Search
Wednesday 20 January 2021
  • :
  • :

Vôlei brasileiro perde Ênio Figueiredo

Créditos: Divulgação/CBV

Um dos grandes treinadores de vôlei do Brasil, Ênio Figueiredo faleceu na madrugada desta terça-feira (12.08), vítima de complicações cardíacas. A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) lamenta a perda do ex-técnico da seleção brasileira feminina. O velório terá início ainda nesta terça, às 17h, no Memorial do Carmo e Ênio será cremado nesta quarta-feira (13.08), às 8h30, no mesmo local.

Ênio Figueiredo começou a carreira como jogador do Flamengo, em 1962. Viveu durante nove anos como atleta e alguns dos títulos mais importantes que conquistou foram com o time carioca onde começou sua história no vôlei.

Depois jogou em outros clubes e, depois virou treinador. Como técnico, esteve em grandes competições internacionais como Jogos Olímpicos, Pan-Americano, Sul-Americano, Universíade, entre outras. Na Universíade, levou o Brasil a conquista do primeiro título de expressão mundial para o voleibol feminino, em 1983.

Foram 25 anos como treinador. No comando da seleção feminina, foi um dos principais responsáveis pelo desenvolvimento técnico e tático do vôlei feminino nos anos 70 e 80. Ênio Figueiredo também esteve à frente da Federação Peruana de Vôlei, onde foi diretor técnico da seleção feminina.

A importância de Ênio para a CBV fica clara através da presença do ex-treinador na primeira edição da revista CBVôlei, que vai ser lançada nos próximos dias. Ele foi convidado a manter uma coluna resgatando a história do voleibol. Em homenagem, a entidade manterá a coluna escrita pelo ex-técnico.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x