Search
Sunday 25 October 2020
  • :
  • :

Vôlei Nestlé a uma vitória do título paulista

Crédito: João Pires/Fotojump

Crédito: João Pires/Fotojump

O time de Osasco pôs sua invencibilidade à prova e se deu bem. Na noite desta quinta-feira, o Vôlei Nestlé bateu o Sesi na Vila Leopoldina por 3 sets a 1 (25-12, 20-25, 25-21, 25-20) e agora está a uma vitória de conquistar o Campeonato Paulista feminino de Vôlei. Para levantar o troféu, domingo, em Osasco, o Sesi precisa vencer o jogo para forçar o golden set.

 

“O Sesi vem numa crescente, é um time muito bom, com Jaqueline, Fabiana, meninas boas de bola. A gente entrou com tudo hoje para abrir essa vantagem, mas falta muita coisa para a gente ajeitar e fazer um belo jogo lá em Osasco”, disse Ivna em entrevista ao SportV no fim do jogo, apesar da vitória de seu time.

 

Se Ivna diz que há o que consertar no jogo de seu time, ao menos o Vôlei Nestlé conseguiu boas passagens no saque, no confronto desta noite, para explorar a deficiência das rivais no passe e teve um bloqueio mais agressivo – e que contou, às vezes, com falha na cobertura de ataque do Sesi.

 

“Faltou um pouquinho mais de consistência, principalmente no início dos sets”, se queixou o técnico do Sesi, Talmo de Oliveira. “Houve dois sets em que começamos seis, sete pontos atrás, começávamos a encostar, mas vinha um saque errado, uma bobeira no contra-ataque, uma falta de qualidade no levantamento. Esses erros somados fizeram com que não conseguíssemos a vitória”, lamentou o treinador também em entrevista ao SporTV.

 

No primeiro set, enquanto o sistema defensivo do Vôlei Nestlé permitiu apenas seis pontos de ataque do Sesi, o passe do time da Vila Leopoldina foi abaixo da crítica. Com Jaqueline caçada pelo saque adversário, o time de Osasco abriu larga vantagem e não passou apuro na parcial. No set seguinte, a virada de bola do Sesi se ajustou. Embora o time tenha sofrido cinco pontos de bloqueio, obteve 15 pontos contra 12 no ataque e empatou a partida. Contudo, a igualdade no placar não intimidou as visitantes.

 

O time de Osasco abriu 8 a 3 no terceiro set e uma passagem de Carol Leite no saque igualou o marcador novamente. No entanto, com Diana e Lise Van Hecke entrando na inversão, o Vôlei Nestlé retomou o comando da partida, ainda antes do segundo tempo técnico e venceu o set sem muito suspense.

 

Num ace de Carcaces, o Vôlei Nestlé chegou a 9 a 1 no quarto set. Uma passagem de Fabiana no saque levou o Sesi a 7 a 10, mas um bloqueio de Adenízia freou a reação das anfitriãs. Com 18 a 15 no placar, Gabi obteve três pontos seguidos – dois em ataques, um de bloqueio – e a vantagem osasquense indicava que o jogo tinha um vencedor. Uma china de Saraelen fechou o placar.

 

A decisão será no Ginásio José Liberatti, em Osasco, às 10h, pelo horário de Brasília. A partida terá transmissão do SporTV.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
3 Comentários
o mais novo
mais velho mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Will Lopes

Estou indignado com Sesi, Pinheiros e Praia, com a atitude de solicitação de Elisângela, para diminuir sua pontuação para ela poder jogar a Super Liga, os outros times todos concordaram, menos estes 3. O mundo dá volta. Não se esqueçam que são os atletas é que fazem o espetáculo e deveriam ter mais respeito. vaia para estes 3 clubecos.

Adenilson

plenamente de acordo, teoricamente o time do Sesi seria favorito com Fabiana e Jaque, Bia , Ellen , pois o Osasco esta com um time mesclado, porém ganhou com sobras….

Will Lopes

Acho que Néstlé/Osasco já venceu este paulista, e olha que o time ainda está jogando sem 3 titulares (Thaísa- se recuperando de cirurgia; Suelle- se recuperando de lesão nos no ombro; Lise- sem condição física ideal). vai ser um timaço. Jaquetoco, viu como é bom ser estrela, de não treinar e levar vários tocos no pé.

Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x