Search
Monday 28 September 2020
  • :
  • :

Vôlei Nestlé recebe Brasília em busca da reabilitação na Superliga

Paulistas estão em terceiro na classificação geral. (Foto: João Pires / Fotojump)

O Vôlei Nestlé enfrenta o BRB/Brasília Vôlei nesta sexta-feira (10), às 21h30, no José Liberatti em busca da reabilitação na Superliga. Após ser surpreendido pelo Fluminense – que fez 3 sets a 2 na terça-feira (7), no Rio de Janeiro – a equipe de Osasco entra em quadra disposta a retomar a trilha das vitórias na temporada 2017/18. O Sportv transmite a partida ao vivo.

Além de garra para buscar a recuperação, o Vôlei Nestlé conta com o fator casa ao seu lado. O time de Osasco está invicto há 24 partidas de Superliga no ginásio José Liberatti. Na última edição do campeonato brasileiro, o time de Luizomar ganhou 11 jogos na fase classificação, um nas quartas e dois na semifinal. Na disputa anterior, 2015/2016, venceu mais oito partidas em seu ginásio. Neste ano são duas vitórias diante de sua torcida, contra Renata Valinhos Country e Pinheiros. O último resultado negativo em casa na competição foi dia 18 de dezembro de 2015.

O espírito entre as atletas é o de aprender com as dificuldades para que elas não se repitam. “É sempre difícil assimilar um resultado negativo, ainda mais quando se abre 2 sets a 0, como fizemos no Rio. Mas precisamos usar as lições que a adversidade traz para nos fortalecer. É o que pretendemos fazer a partir do jogo desta sexta-feira. Vamos entrar em quadra concentradas e motivadas para jogar bem e vencer”, explica Carol Albuquerque. A sérvia Ninkovic segue a mesma linha. “Foi duro, mas vamos superar e crescer cada vez mais na Superliga”.

O técnico Luizomar lembra que o Vôlei Nestlé ainda é um time em construção. “Como tenho afirmado, nossa equipe foi se montando aos poucos, com as atletas chegando em diferentes momentos. E desenvolver esse entrosamento, as relações de bloqueio e defesa, linha de passe, ataque e saque leva tempo. Mas confio na força desse grupo e sei que temos uma margem grande de crescimento ao longo da competição”, assegura o treinador.

Em terceiro lugar na classificação da Superliga, com quatro vitórias e um resultado negativo, o Vôlei Nestlé encara o nono colocado. Em cinco partidas disputadas, Brasília ganhou três e perdeu duas. A liderança geral é do Dentil/Praia Clube, seguido pelo Sesc RJ.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
11 Comentários
o mais novo
mais velho mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Camila

Concordo com o talles, algumas já são experientes deveriam elas mesmas se cobrarem, tem deficiência no passe, treine até ficarem exaustas, mas aprendam a passar, fundamento básico que se aprende logo no pré mirim, esse treinadores erram quando querem transformar opostas em ponteiras, cada uma na sua respectiva posicão de origem. Não entendo lorene no banco, alguém Me explique.

DUCA

Essa explicação que vc procura Camila tem nome e se chama Ruinzomar de Moura, ainda to pressintindo que ele vai acabar deslocando a Tandara e sacrificando a Lorene, deixando Mari e Leyva de ponteiras, por que Tandara e Leyva nessa posição só dá MERDA!!!!

Paula Bissoli

Até quando Luizomar vai dar desculpas? ” A equipe está assimilando, leva tempo para entrosar”. Chega! A SL vai acabar e o time ainda VAI ESTAR SE ENTROSANDO?
Não são jogadoras de primeira viagem. Pára que tá feio… Desculpas, sempre desculpas…

Talles

Então, técnico também não vai fazer milagres. Às vezes tem muita jogadora acomodada, a despeito dos treinamentos. Isso pode ser a diferença para o time do Sesc-RJ, pois a cultura do time, da comissão técnica, já exerce uma pressão natural, a forma de trabalhar é outra, e que nunca acomoda, mas não é só responsabilidade do técnico, é uma força conjunta. A mesma coisa já começou a ser vista no MTC na ultima temporada e parece já demonstrar nessa agora. Talvez seja um fato que o time paulista não tenha amadurecido ainda: realizar grandes contratações não é sinônimo de sucesso,… Ler mais »

TITANIC 100 ANOS

EM TESE chutar cachorro morto é a especialidade do time de osasco, porém, diante do time de valinhos e do fluminense não foi bem assim, então, desde já tudo pode acontecer. Brasília deveria pelo menos beliscar um pontinho não é:

Visitante

Eu queria muito que pelo menos Brasília levasse o jogo para tie break…
Seria bom demais….queria ver a cara de bunda desse técnico incompetente.

Talles

Aqui, mas todo mundo tá metralhando o Luizomar não é de hj. Tudo bem que passa longe de ser aquele técnico, mas não seria um pouco injusto unicamente culpá-lo pelas mazelas do osasco?? As próprias jogadoras não teriam uma parcela de culpa também??? Afinal, não tem ninguém do pré-mirim no time paulista, não, porra!! Gente já rodada, velha de guerra, que não é possível que não conseguem antever soluções quando a coisa complica….ou seja, a responsabilidade é de todo mundo, técnico, jogadoras, comissão técnica e assim vai Ou então, pq não dizer que o tricolor simplesmente conseguiu se superar e… Ler mais »

Renato

Se Brasília se impor dentro de quadra pode repetir o feito do tricolor! Basta ter confiança. osasquinho é timeco e vai se apequenar sob pressão, pode crer!

Assim Praia e Rio vão abrir mais pontos de diferença e o Minas cola de vez na tandara!!

giovani

A informação de invencibilidade está equivocada. O Nestlé perdeu para o Hinode a partida normal. Apenas ganhou no golden set, para ser campeão paulista.

Maycon

Não está equivocada, Giovani… A informação se refere às vitórias na Superliga, não no Campeonato Paulista

Visitante

A informação está correta, essa equipe do Ruimzomar está invicta na superliga jogando em seus domínios…
Mas é questao de tempo, pois com esse técnico a eliminação não tardará…

Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x