Search
Monday 30 November 2020
  • :
  • :

Walewska e Carol Gattaz falam sobre retorno à Seleção Brasileira‏

Foto: João Gabriel Rodrigues

Medalha de ouro na Olimpíada de Pequim, Walewska está de volta à Seleção Brasileira. A capitã e central do Vôlei Amil foi convocada pelo técnico Zé Roberto e nesta terça-feira (29) se integrou ao grupo que se prepara para disputar a Copa do Campeões, no Japão, de 12 a 17 de novembro. Ao lado dela, Carol Gattaz, sua companheira na equipe de Campinas, também foi chamada para ocupar uma das vagas abertas por Thaísa e Juciely, que pediram dispensa alegando problemas físicos.

Walewska havia pendurado a camisa da Seleção após a conquista nos Jogos da China alegando que, após 20 anos, preferia dedicar mais tempo a família e a carreira em clubes. Agora, revela os motivos que a fizeram reconsiderar. “Com a dispensa das atletas, o Zé Roberto veio conversar comigo e disse que gostaria que eu fizesse parte do grupo que vai ao Japão. É uma viagem curta, mais tranquila, e eu ponderei muitas coisas para tomar minha decisão. Confesso que foi uma surpresa, mas pelo pedido do Zé, aceitei a proposta e estou contente por ter voltado”, disse na tarde desta terça-feira, já em Saquarema, no Rio, onde o time do Brasil ficará concentrado.

Se este é um retorno em definitivo para mais um ciclo olímpico ou apenas um torneio isolado, nem a própria Walewska sabe dizer. “Irei por etapas, ou seja, não tenho planos para o futuro. E isso significa dizer que não posso dizer sim, muito menos não. Mas estou feliz por, mesmo após cinco anos fora, ter condições e estar em forma para defender a Seleção Brasileira e ajudar com o meu melhor”, afirma a capitã do Vôlei Amil, que revela outro fator surpresa para ela. “Fui muito bem recebida, mas é estranho, pois estive muito tempo fora. As meninas estão até me tratando como novata e brincando que eu devo lavar as roupas delas. Mas, piadas a parte, sei que tenho muito respeito por parte delas, apesar de com muitas delas eu nunca ter jogado junto. Agora só tenho que me readaptar”, completa.

Carol Gattaz também foi pega de surpresa com a convocação. “Fiquei superfeliz quando o Zé Roberto veio falar comigo. É um reconhecimento por todo o trabalho e dedicação. E chegar em Saquarema para esse início de preparação está sendo muito legal. Até dá um pouco a sensação de ser uma novata outra vez. A alegria, com certeza, é a mesma, mas a vontade, a motivação é a até maior. Estou muito focada para dar o melhor de mim pela Seleção Brasileira”, disse a central do Vôlei Amil, que havia integrado o time do Brasil pela última vez em 2010, para a disputa do Campeonato Mundial, quando conquistou a medalha de prata.

Quanto a resultados na Copa dos Campeões, as expectativas das centrais do Vôlei Amil são otimistas. “Espero que o grupo se feche para buscar o título da competição. Da minha parte, vou dar o máximo e fazer o meu melhor”, disse Carol. “Acredito que mesmo com os desfalques, o Zé Roberto conseguiu montar um time forte e em condições de lutar pela medalha de ouro”, completa Walewska.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x